EsportesDrones que espionarem treinos da seleção serão abatidos
Da redação com Esporte Feraquinta, 14 de junho de 2018 - 14:26

Para evitar que o treinamento dos jogadores da Seleção Brasileira de Futebol seja visto pelos adversários, uma equipe de espiões foi contratada pela Federação Internacional de Futebol (Fifa). A informação foi divulgada nesta quinta-feira (14), pelo site Esporte Fera. A ideia é impedir que passos e estratégias dos jogadores sejam vistos antes do tempo. 

De acordo com o site, uma equipe de espiões foi contratada pela entidade para vigiar os treinos da seleção, com anuência da Confederação Brasileira de Futebol (CFB). 

Conforme o Esporte Fera, os espiões ficarão posicionados em locais estratégicos e estarão prontos para lidar com quaisquer tentativas de observação das movimentações comandadas pelo treinador brasileiro.

Segundo o site de notícias, após a primeira movimentação em Sochi, na Rússia, ter sido com portas abertas para os torcedores – que teve a presença de mais de quatro mil fãs –, Tite já havia determinado uma sequência de treinos fechados, visando à estreia na Copa, diante da Suíça, que acontecerá neste domingo, às 15h (de Brasília). 

Os espiões terão total liberdade para abater drones e evitar filmagens dos treinamentos comandados por Tite. 

Deixe seu comentário

Leia Também