Pmcg renegociação
GeralDono de JBS diz que pagamento de propina é recorrente em frigoríficos de MSDurante delação premiada ela revelou que o esquema envolve pequenos e grandes frigoríficos
Da redaçãoSexta, 19 de Maio de 2017 - 16:07
Dono de JBS diz que pagamento de propina é recorrente em frigoríficos de MS

Wesley Batista, dono do JBS, declarou durante delação premiada que a prática de propina em troca de redução da alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) é algo recorrente em Mato Grosso do Sul e envolve não só empresas grandes, mas todo o setor frigorífico.

“Em Mato Grosso [do Sul] é um negócio generalizado no nosso setor de frigoríficos. Não eramos só nós que tínhamos. De frigorífico pequeno aos grande nós temos informação que a prática é recorrente”, destaca o empresário. 

Delação

Wesley Batista foi ouvido no dia 4 de maio e citou os dois últimos governadores de Mato Grosso do Sul Zeca do PT e André Puccinelli e o atual Reinaldo Azambuja revelando suposto esquema de corrupção envolvendo pagamentos de propina em troca de redução da alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

 

Deixe seu comentário

Leia Também

SESC