GeralHomem é preso por receptação e adulteração de veículoO caso aconteceu no distrito de Nova Porto XV de Novembro, no interior de MS
Da redaçãosegunda, 16 de abril de 2018 - 11:49

No domingo (15) um homem morador do distrito de Nova Porto XV de Novembro foi preso por receptação e adulteração de veículo automotor. A polícia militar conseguiu efetuar a prisão depois de denuncias.

De acordo com o boletim de ocorrência Odair da Silva (50) estava de posse de um veículo Renault Sendero com placas de São Paulo.  Os militares checaram os dados do veículo junto ao Sistema Policial, inicialmente não resultou em nenhuma restrição criminal.

No entanto, os Militares entraram em contato com Elaine Cristina Carneiro Viveiro, moradora da Capital de São Paulo, cujo nome consta como proprietária do veículo, e foram informados por ela que o veículo teria sido vendido para um amigo de nome Evandro, e que o veículo estaria em sua posse. Elaine entrou em contato com Evandro que confirmou que o veículo se encontrava com o mesmo na cidade de Campinas.

Diante das informações, se deslocaram até a residência de Odair onde localizaram o veículo e após checagem do número do motor, foi verificado que o mesmo se tratar de um Veículo Renault Sandero com restrição de roubo em 31 de janeiro de 2018, registrado na cidade de São Paulo.

Quando foi questionado sobre os fatos, Odair alegou ter adquirido o veículo em fevereiro de uma pessoa de nome Carlos no Banco do Brasil em Presidente Epitácio/SP, ao custo de R$ 30 mil a vista e R$ 10 mil a pagar em 20 de abril.

Na delegacia Odair relatou que por necessidade de saúde, estava querendo comprar um veículo e conheceu a pessoa de nome de Claudio em frente do banco do Brasil na cidade de Presidente Epitacio. Odair comentou sobre sua situação e queria comprar um veículo e Claudio acabou por oferecer o veículo em questão, que Odair e Claudio trocaram número de telefone e na semana seguinte Claudio apareceu na residência do senhor Odair com o veículo onde ambos fecharam negócio.

O caso foi registrado como receptação e adulteração de sinal identificador de veiculo automotor na Delegacia de Polícia de Bataguassu.

Deixe seu comentário

Leia Também

SESC