Governo Refis - dezembro-18 interna
PolíciaVídeo - Tio do narcotraficante Jarvis Pavão é preso na fronteiraPelo menos outras oito pessoas acabaram sendo presas na casa de Gimenez
Da redaçãosexta, 7 de dezembro de 2018 - 16:10

Uma operação desencadeada nesta sexta-feira (7) envolvendo policiais federais e homens da Força Nacional de Segurança Pública, acabou prendendo Chico Gimenez, ex candidato a prefeito de Ponta Porá, que foi detido em residência. Com ele, pelo menos outras dez pessoas acabaram sendo presas na casa de Gimenez, um total de cinco homens e três mulheres.

Gimenez é um forte empresário na cidade, ele é tio do narcotraficante Javaris Gimenez Pavão, que se encontra preso no Presídio Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. A casa de Gimenez que fica localizada na rua Calógeras, a cerca de 200 metros do quartel do Exército, foi cercada pelos policiais.

O JD1 Notícias entrou em contato com a base da Polícia Federal em Ponta Porã, e foi informado que o grupo estava preparando um ataque a um homem conhecido com Minotauro, que quer controlar o tráfico de drogas e armas na fronteia do Brasil e Paraguai, e havia declarado guerra ao pessoal de Pavão. 

Na última terça-feira (4) o sobreinho de Pavão, identificado como Pedro Gimenez da Luz, de 24 anos, teve a caminhonete atacada com tiros de fuzil em Pedro Juan Caballero, o veículo era brindado, e todos que estavam no automóvel saíram ilesos. A PF não quis dar mais detalhes da operação, pois ainda estão realizando as investigações.

Vídeo:

Deixe seu comentário

Leia Também

iptu - dezembro