TJ outubro-18 - interna
SaúdeApós denúncias, UPA do bairro Santa Mônica é vistoriadaConselho Regional de Enfermagem apura denúncias sobre o atendimento e acesso a Unidade do Pronto Atendimento
Da Redaçãoquinta, 8 de novembro de 2018 - 09:55

Após várias denúncias, Coren-MS vistoriou a UPA Santa Mônica e constatou baixo número no quadro de funcionários e a falta de medicamentos e materiais básicos. A população do bairro Santa Mônica e região reclamm sobre a demora no atendimento e o acesso a Unidade de Pronto Atendimento.

"O Conselho de Regional de Enfermagem encontrou não somente na UPA Santo Mônica, como em outras de primeiro momento falta de materiais, de medicamentos, equipamentos e déficit de funcionários", ressaltou o presidente do Coren-MS, Sebatião Júnior Henrique Duarte. 

Após a vistoria, foi instaurado junto ao Ministério Público do Trabalho um procedimento, que após notificada a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) repos os medicamentos, e uma parte dos materiais nas UPAs da capital.

Na UPA Santa Mônica, sobre as denúncias sobre o atendimento, para o presidente a demora no atendimento é reflexo do número de funcionários em relação a demanda que a Unidade recebem diariamente. "A vistoria é um meio de melhorar a qualidade na saúde para a população da capital", afirmou o presidente. Ainda alertou a população que todos tem direito a realizar denúncias para que se possa da melhor forma tomar as providências cabíveis para uma melhor qualidade de vida.

Deixe seu comentário

Leia Também

SESC