Menu
Busca segunda, 17 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Agronegócio

Produtores de leite do MS recebem curso "Negócio Certo Rural"

Com a capacitação os produtores estão aptos para a consultoria do programa "Mais Leite"

31 janeiro 2019 - 09h15Mauro Silva, com assessoria

Produtores de leite de Mato Grosso do Sul recebem curso "Negócio Certo Rural", do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS). Esse é primeiro passo para participar da Assistência Técnica e Gerencial da instituição.  Com as orientações do curso, os produtores da pecuária de leite estão aptos para receber a consultoria do programa "Mais Leite".

O programa é uma iniciativa que melhora a gestão na propriedade e amplia as possibilidades de rentabilidade e sustentabilidade. Antes de iniciar a capacitação, os produtores rurais informam o interesse ao sindicato rural do seu município.

Com a sinalização, a equipe inicia o trabalho verificando a demanda. Em seguida, os interessados são convidados para uma reunião de sensibilização, que é a apresentação da metodologia a ser aplicada.

“O programa oferece um norte para a produção e traça uma meta a ser alcançada”, explica a diretora técnica do Sistema Famasul, Mariana Urt.

Neste ano, o "Mais Leite" está presente em 51 municípios, com um corpo técnico formado por 40 profissionais que atuam no campo, além de quatro supervisores. Com o diagnóstico, a equipe oferece um conjunto de ações adequadas para cada propriedade que vai desde manejo, administração do negócio, planejamento, entre outras.

O coordenador do programa, Juliano Coelho, fala que não existe uma receita de bolo para obter resultados, mas o engajamento é fator determinante. “O conhecimento oferecido nas capacitações e o planejamento otimizado com base em indicadores podem influenciar diretamente na efetividade da iniciativa”, explica.

Na cartela de cursos de Formação Profissional Rural – FPR, o Senar/MS tem ainda capacitações de produção de leite com qualidade, criação de bezerras e novilhas, casqueamento de bovinos, fabricação de derivados de leite, ordenhadeira mecânica, manejo básico de bovinos de leite e de ordenha, além de palestras, oficinas e encontros técnicos que atendem produtores de leite, trabalhadores da área e familiares.

Prefeitura prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio
Conab já projeta que MS deve ter maior safrinha de milho da história
Agronegócio
Longen parabeniza Tereza Cristina após China retomar importação da carne
Agronegócio
Agro MS: 38% das contratações são de pessoas com menos de 30 anos
Agronegócio
Reinaldo visa potencializar o escoamento da safra do MS
Agronegócio
Com queda da produção do leite em MS, evento discute recuperação
Agronegócio
Aprosoja/MS atualiza dados do milho safrinha na quinta-feira
Agronegócio
Tereza quer política agrícola definida, no Brasil
Agronegócio
Em agosto, o Megaleilão Nelore CFM venderá 1.000 touros Nelore CEIP
Agronegócio
Em Ponta Porã, Tereza Cristina destaca o agro nacional e estadual
Agronegócio
Peste suína na China pode abrir mercado para MS

Mais Lidas

Opinião
De dois erros não se faz um acerto
Polícia
Jovem é morta a tiros em Ponta Porã e corpo é encontrado em estrada
Geral
Após bater em rotatória, universitário capota veículo em Ponta Porã
Economia
Após Bolsonaro falar em demissão do presidente do BNDES, diretor renuncia