Menu
Busca sexta, 13 de dezembro de 2019
(67) 99647-9098
TJMS Dezembro-19
Brasil

Brasil pode ser aliado de peso da Coreia do Sul, diz ex-embaixador

Para diplomata, Coreia do Sul precisa diminuir vulnerabilidades

10 novembro 2019 - 15h23Joilson Francelino, com informações da Agência Brasil

Produtor relevante de grãos, de energia e de carne para o mercado internacional, o Brasil poderia se transformar em um aliado estratégico da Coreia do Sul, diminuindo dessa forma a dependência da nação coreana em relação ao Japão, à Rússia, aos Estados Unidos e à China. Essa é a tese que vem sendo defendida pelo diplomata Jeong Gwan Lee, que foi embaixador da Coreia do Sul no Brasil de 2015 a 2018.

Atualmente, Gwan Lee vive em Seul (capital da Coreia do Sul), onde dá aulas em universidades sobre relações internacionais, com foco em nações emergentes como, por exemplo, o Brasil. Na condição de ex-embaixador e acadêmico, ele propõe ideias relevantes sobre como a política de relações exteriores da Coreia do Sul pode levar o país a um melhor posicionamento geopolítico no mundo e, ao mesmo tempo, diminuir a sua vulnerabilidades.

Exemplo de decisão que aumentou a vulnerabilidade da indústria sul-coreana foi a iniciativa recente do Japão de retirar a Coreia do Sul da “lista branca” de países isentos de procedimentos para a aquisição de centenas de componentes tecnológicos japoneses considerados vitais para a fabricação de produtos de alta tecnologia coreanos. Isso irritou o governo sul-coreano, que fez dezenas de tentativas para um acordo com o Japão, sem resultados até agora.

O pesquisador aconselha ao próprio governo sul-coreano e às lideranças econômicas do país a terem cautela e a aumentar o leque de países que possam dar segurança ao país. Disse que, nesse aspecto, o Brasil pode ser um aliado que, por causa de sua importância em agronegócios, pode aumentar a segurança alimentar da Coreia do Sul.

PMCG - Cidade do Natal

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
FGTS poderá distribuir mais que 50% dos lucros, esclarece governo
Brasil
Simone comemora agilidade na aprovação do pacote anticrime
Brasil
Forças Armadas poderão fiscalizar as eleições de 2020
Brasil
Petição contra filme do Porta do Fundos supera 1 mi de assinaturas
Brasil
Maia quer pautar fim do foro privilegiado em janeiro
Brasil
Aposentadoria complementar pode ficar isenta de Imposto de Renda
Brasil
“Sociedade quer rapidez”, diz Simone em relação a 2ª instância
Brasil
STJ manda soltar Pezão
Brasil
''Forças Armadas garantem a democracia'', diz Bolsonaro
Brasil
Receita exigirá CPF de destinatário em encomendas internacionais

Mais Lidas

Cidade
Marquinhos inaugura a Cidade do Natal
Política
Beto Pereira perde liderança do PSDB por um voto
Cidade
Afonso Pena está parcialmente interditada para inauguração da Cidade do Natal
Cidade
Habita Campo Grande sorteará 30 lotes neste sábado