Menu
Busca terça, 07 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Brasil

Brasil poderá doar vacinas da Covid-19 a outros países

As despesas do transporte dos imunizantes ficarão a cargo do país destinatário da doação

20 maio 2022 - 09h32Sarah Chaves
Sebrae Materia

Em caráter de cooperação humanitária,o Congresso Nacional autorizou o governo a doar imunizantes contra a Covid-19 a outros países afetados pela pandemia

A Lei 14.343, foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (20), como Medida provisória e de acordo com ela, caberá ao Ministério da Saúde intermediar as doações, bem como definir quantitativos e destinatários dos imunizantes doados, desde que “ouvido o Ministério das Relações Exteriores”.

As despesas que decorrerem do transporte dos imunizantes doados ficarão a cargo do país destinatário da doação ou à conta de dotações orçamentárias do governo federal ou de outros colaboradores.

Ainda segundo a nova legislação, a doação dependerá da manifestação de interesse e da anuência de recebimento do imunizante pelo país beneficiado.

Sebrae Materia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Justiça usa ação para resguardar trabalhadores das Americanas
Brasil
Câmara elege nesta quinta-feira deputado para ser indicado a ministro do TCU
Brasil
Daniel Silveira é preso um dia após perder mandato
Brasil
JD1TV: Senador denuncia Bolsonaro como golpista e comunica renuncia
Brasil
Morre Glória Maria, aos 73 anos, ícone do jornalismo
Clima
Vem mais chuva! Dia amanhece nublado e máxima deve chegar aos 28°C na Capital
Brasil
De novo? Mega-Sena acumula e prêmio salta para R$ 135 milhões
Brasil
Vai apostar? Mega-Sena sorteia bolada de R$ 115 milhões hoje
Brasil
Congresso empossa hoje 513 deputados e 27 senadores
Brasil
STF pede à PGR que investigue Valdemar Costa Neto

Mais Lidas

Geral
Melhores do ano CG: especialista alerta para golpe no Instagram
Polícia
JD1TV: Depoimento de motorista de aplicativo desmente relato da mãe de Sophia
Polícia
Polícia fecha boca de fumo e prende quatro envolvidos no Parque Lageado
Polícia
Delegada revela que mãe e padrasto de Sophia planejaram mentir para a polícia