Menu
Busca sexta, 07 de maio de 2021
(67) 99647-9098
Sebrae
Brasil

Correios é incluído no Programa Nacional de Desestatização

Decreto que incluí estatal no programa de privatização foi publicado hoje

14 abril 2021 - 10h54Sarah Chaves com informações da Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro incluiu os Correios no Programa Nacional de Desestatização (PND), conforme decreto foi publicado nesta quarta-feira (14) no Diário Oficial da União, após recomendação do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI), para que a estatal entrasse no programa de privatização.

Na semana passada, Bolsonaro já havia aprovado a inclusão da Empresa Brasil e Comunicação (EBC) e da Eletrobras no PND, que também foram objetos de recomendação do CPPI.

Sobre os Correios, a equipe do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) concluiu os primeiros estudos que analisaram modelos de desestatização do mercado postal em outros países e recomendou a empresa para o PND, onde será iniciada a segunda fase dos estudos. O conselho optou pela venda total da empresa, em vez do fatiamento, que poderá ser a venda majoritária (em que o Estado continua como acionista minoritário) ou venda de 100% das ações.

A segunda fase dos estudos será implementada ao longo deste ano pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e detalhará o modelo a ser adotado para a desestatização do setor postal. O governo não apresentou cronograma, mas estão previstos debates com a sociedade, com investidores e com empregados e a aprovação pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sobre os aspectos da modelagem e os documentos jurídicos.

A venda dos Correios depende da aprovação, pelo Congresso Nacional, do projeto de lei (PL) que quebra do monopólio estatal e regulamenta a abertura do mercado postal à iniciativa privada. O texto foi apresentado em fevereiro pelo governo federal.

Chamado de Marco Regulatório para o setor postal, o texto também define a obrigatoriedade do cumprimento de metas de universalização e qualidade dos serviços e estabelece a criação da Agência Nacional de Comunicações, em substituição à atual Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que passará também a regular os serviços postais.

 

Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Corpo de Paulo Gustavo é cremado em cerimônia restrita
Brasil
Operação mais sangrenta no RJ deixa 25 mortos no Jacarezinho
Brasil
MP denuncia Jairinho e Monique por homicídio e tortura
Brasil
Deputado diz que Bolsonaro pode ter doença mental e defende interdição
Brasil
Aposentados terão 13° em duas parcelas, começando em maio; veja o calendário
Brasil
Paulo Gustavo ganha homenagem de Beyoncé
Brasil
Covid: Morre ator e humorista Paulo Gustavo, aos 42 anos
Geral
Boletim diz que quadro de Paulo Gustavo é irreversível
Brasil
Conheça as crianças mortas durante ataque em escola
Brasil
WhatsApp libera envio de dinheiro pelo aplicativo no Brasil; veja como usar

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio