Menu
Busca quinta, 20 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Brasil

Futura ministra quer aprovação do “Estatuto do Nascituro”

Damares afirmou que vai trabalhar para garantir proteção às grávidas e ao bebê ainda no ventre materno

11 dezembro 2018 - 14h34Da redação com informações da Agência Brasil

Confirmada como ministra da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, defendeu nesta terça-feira (11) a aprovação do “Estatuto do Nascituro”, estabelecendo garantias legais para o bebê, desde a sua concepção e para as grávidas. Há um texto em tramitação na Câmara dos Deputados desde 2007. Para Damares, a versão ideal seria o texto mais atual, apresentada pelo deputado Diego Garcia (Podemos-PR).

“Visa a proteção da criança no ventre materno. Acho que tem interpretações equivocadas com relação a isso. O objetivo é a proteção do bebê no ventre materno. Assim como tem o Estatuto da Criança e do Adolescente, a gente quer ter um Estatuto do Nascituro”, afirmou.

Segundo a futura ministra, o governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, quer criar políticas públicas de combate à violência contra grávidas e nascituros, garantindo proteção integral. Damares Alves disse que a ideia é manter esse objetivo do texto sem que haja alterações no Código Penal no que diz respeito ao aborto.

“Nenhuma modificação em relação a aborto do que já tem no Código Penal”, disse. Atualmente, a prática só é permitida em caso de estupro, fetos anencéfalos ou para salvar a vida da gestante.

Damares afirmou que espera uma “lei perfeita de proteção da grávida no Brasil” e afirmou que, para isso, conversará inclusive com parlamentares sobre mudanças na lei trabalhista. A futura ministra disse que seu temor é manter brechas que permitem que gestantes trabalhem em locais insalubres.

Prefeitura prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Crítico de cinema e comentarista do Oscar, Rubens Ewald Filho morre aos 74 anos
Brasil
Bebê é operado no útero da mãe no interior de SP
Brasil
“Se houve irregularidade eu deixo o cargo”, diz Moro
Brasil
Melhora a confiança do empresário, diz CNI
Brasil
Moro espera que reportagens de site não afetem projeto anticrime
Brasil
Ex-chefe do MPF em MS compõe a lista tríplice para PGR
Brasil
Bolsonaro nomeia primeiro brasileiro à diretor técnico de carreira, na Itaipu
Brasil
MS perde Sudeco
Brasil
Menino é assaltado enquanto vendia doces na rua e internautas se comovem
Brasil
Filho de deputada é preso durante enterro do pai no RJ

Mais Lidas

Cidade
Confira a lista de habilitados para sorteio de unidades habitacionais na capital
Cidade
Campo-grandenses se unem e ajudam família que caiu em golpe da falsa encomenda
Polícia
Pai mata filho de 7 anos após convencê-lo de que brincariam juntos
Polícia
Vídeo: Homem é executado por pistoleiros em oficina