Menu
Busca sábado, 18 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
Gov - Estado que Cresce (set21)
Brasil

Michelle participa de evento do Dia Mundial das Doenças Raras

A data será comemorada em sessão no Congresso Nacional

27 fevereiro 2019 - 10h52Da redação com informações da Agência Brasil

A primeira-dama Michelle Bolsonaro participa da sessão solene no Congresso Nacional nesta quinta-feira (27), pela manhã, para lembrar o Dia Mundial das Doenças Raras. A data é celebrada em pelo menos 70 países com o intuito de sensibilizar população, órgãos da saúde pública e profissionais da área.

Pelos dados do Ministério da Saúde, há cerca de 13 milhões de brasileiros que têm algum tipo de diagnóstico de doença rara. São aproximadamente de 6 mil a 8 mil tipos de enfermidades que integram o grupo, sendo que 75% afetam crianças e 80% têm origem genética.

É a segunda vez que Michelle Bolsonaro vai ao Congresso Nacional desde a posse do presidente da República, em 1º de janeiro. As questões relacionadas à saúde e às pessoas com deficiência despertam a atenção da primeira-dama, que pretende dedicar-se aos programas sociais desenvolvidos pelo governo federal.

Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Homem coloca fogo em casa com ex-mulher e filhos dentro
Vídeos
Vídeo: Ministro da saúde elogia Campo Grande
Geral
Vídeo: "Onda onda, olha a onda", Brasil pode ser atingido por tsunami
Brasil
Butantan finaliza entrega da Coronavac ao Ministério da Saúde
Brasil
Bebê é picado por cobra jararaca no quintal da avó
Vídeos
Vídeo: Inês Brasil é ‘expulsa’ de “A Fazenda” e viraliza nas redes sociais
Brasil
Sortudo pode levar prêmio de R$ 3 milhões hoje
Brasil
Pelé tem alta da UTI e segue em recuperação
Brasil
Vídeo - Unidos pelo crime: Casal é flagrado assaltando a farmácia Pague Menos
Brasil
Correios fazem leilão de 61 mil objetos

Mais Lidas

Vídeos
Vídeo: Corna arrasta 'Ruivinha' pelos cabelos após descobrir traição
Geral
Mãe lamenta morte de jovem que bateu em caçamba de entulhos
Geral
Abandonada por amigos em deserto, brasileira morre de fome e sede
Polícia
Idoso de 68 anos toma muito 'azulzinho' e morre em motel