Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Governo/Dengue
Cidade

AJUDE: Após sobreviver à descarga elétrica, Rafa terá pastelada para pagar tratamento

Mãe do adolescente organiza pastelada para custear profissionais da saúde

28 setembro 2020 - 14h25Matheus Rondon, Sarah Chaves

O adolescente Rafael Fernandes Magalhães Pinto, 14 anos, estava brincando na rua no dia 29 de julho de 2019, quando resolveu retirar uma pipa próxima ao fio de alta tensão, sem se dar conta do perigo que corria, acabou sofrendo uma descarga elétrica de 13.800 VOLTS. Segundo a família, o garoto sofreu 3 paradas cardíacas, quando a equipe chegou, conseguiram reanimar com ajuda do desfribilador. A ambulância demorou a chegar, e por esse motivo, faltou oxigenação no cérebro, ocasionando uma lesão cerebral. Hoje o Rafael está tetraplégico e sem respostas cognitivas.

A fim de arrecadar fundos para o tratamento, Lilian Fernandes de Souza Magalhães, que é a mãe do rapaz, está promovendo uma pastelada para o dia 18 de outubro. Com isso ela espera juntar dinheiro para conseguir pagar os profissionais que auxiliam a recuperação de Rafael.

“Por enquanto o quadro é estável, mas não sabemos como está a parte cerebral ainda, sábado ele fez uma ressonância de crânio e dia 2 pegaremos o resultado, tivemos muito gasto, a ressonância foi particular, a barata que achei foi de R$ 450 reais, e tem mais outros exames para fazer, fora os profissionais, por isso estamos promovendo essa pastelada para arrecadar o dinheiro, tenho que pagar fisioterapeuta, fonoaudióloga, consultas, exames os insumos e alimentação pra ele”, explica a mãe.

Por conta da pandemia de coronavírus, os pastéis não poderão ser consumidos no local, mas também será vendido cru, caso a pessoas queria completar o almoço de domingo. “Da outra vez que fizemos a pastelada aqui em casa, as pessoas amaram, foi um sucesso, foi uma correria abençoada, talvez consigamos fazer entrega também”, disse.

Quem quiser colaborar com a causa, pode comprar os pastéis que estarão no  valor de 1 por R$ 3,00 e 2 por R$5, os sabores dos são de carne, queijo, frango e pizza. O local para retirar as fichas, é na rua Guaratuba nº 88 na Vila Sobrinho, e para pegar o pastel, é só  andar meia quadra, na rua Senai, nº 112 no mesmo bairro. “Por conta do Rafa, não pode ter aglomeração em casa, então os pasteis serão retirados na casa da vizinha que fica na esquina”, explica a mãe.

Para comprar, ligue para a Lilian (67) 9 98133-55, e para retirar, ligue para a Cleone (67) 9 99975-2704, o uso da máscara é obrigatório. “As pessoas que quiserem ajudar com os ingredientes, carne moída, frango, a mussarela, as massas, será bem vida, eu vou fazer comprando, vou vendendo, toda ajuda é bem vinda”, finaliza.

A família também criou uma vaquinha online para arrecadar dinheiro para quando sair a vaga dele no Centro de Reabilitação Sarah Kubitschek, em Brasília, que um dos melhores centros de reabilitação do Brasil.

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Assembleia homenageia Dudu do Bifão e pai do vereador Salineiro
Cidade
Prefeitura reabre mais espaços, mas Horto continua fechado
Cidade
Motorista atropela e mata 4 capivaras, e ainda deixa para-choques em canteiro
Cidade
Em luto por morte de criança de 3 anos, Detran-MS fecha agência
Cidade
Após reclamações, Procon autua 16 agências na capital
Cidade
Lei Seca: Mais de 300 testes de embriaguez são aplicados na Capital
Cidade
Prefeitura entrega prêmios do 5º sorteio da Nota Premiada
Cidade
Paisagismo é concluido em trecho da 14 de julho
Cidade
Detran-MS promete agilizar atendimento utilizando totens de serviços
Cidade
Sábia sai do hospital e precisa de ajuda para conseguir coisas básicas na casa nova

Mais Lidas

Política
Candidatos participam de debate na Fetems
Cidade
Assembleia homenageia Dudu do Bifão e pai do vereador Salineiro
Justiça
Cinco cidades de MS receberão apoio das Forças Armadas
Geral
Justiça manda candidata provar que sabe ler