Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Cidade

Após queima de fogos da virada, 80% das araras monitoradas "fugiram"

As araras-canindés têm uma audição bem desenvolvida e podem ter sumido por conta do barulho

06 janeiro 2019 - 09h19Da Redação com Assessoria

De acordo com o Instituto Arara Azul, responsável pelo monitoramento das aves na região, cerca de 480 delas "fugiram" da capital em busca de áreas tranquilas, pois ficaram incomodadas com os fogos de artifícios.

Há seis dias, as aves ainda não retornaram, o que representa 80% das das araras monitoradas em Campo Grande. Segundo a presidente do Instituto Arara Azul e doutora em meio ambiente, Neiva Guedes, as araras-canindés têm uma audição bem desenvolvida e outros animais que vivem no perímetro urbano, também podem ter sido prejudicados pelo barulho dos fogos.

De acordo com o instituto, em 2018, 180 ninhos das araras foram monitorados. Foram contabilizados 150 nascimentos e a atualmente, a maioria dos filhotes já voaram.

Segundo Neiva, no dia 2 de janeiro deste ano, foram monitorados 21 filhotes e neste mesmo dia, os pesquisadores percorreram toda a cidade e conseguiram observar apenas 6 aves do período da manhã até o escurecer. Em dias normais, cerca de 40 animais poderiam ser vistos na capital.

A especialista ainda explica que um grupo de pesquisadores observaram desde a virada de 2018 e notaram a diminuição das aves na região de Campo Grande nesse período em que é mais comum a queima de fogos. Ela ainda ressalta que a volta desses animais deve ser gradativa, ainda nos próximos dias.

Preservação

O projeto Arara Azul começou em 1989 no Pantanal, onde atualmente 108 ninhos de arara-azul são monitorados, principalmente, durante o período de reprodução, que vai até março. Neiva ressalta que o projeto recebe ajuda de voluntários e moradores que percebem a importância de preservar a natureza e os animais, e também orienta em casos de nascimento de filhotes em casas de moradores.

Para informações, o Instituto Arara Azul atende pelo telefone (67) 3222-1205, pelo site ou pela página no facebook.

Genetica 1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Restaurantes não abrem, mas podem vender bebidas
Cidade
Restrições começam hoje
Cidade
Estado analisa se mantém restaurantes abertos
Geral
Dia dos Namorados: algumas opções para aproveitar a data em Campo Grande
Cidade
Com mais dois dias de funcionamento, você sabe quais as regras vigentes? Confira
Cidade
Estado só aumentará restrições no domingo
Cidade
Chuva não impede grande procura por vacinas nesta quinta
Cidade
Procon encontra variação de 159% em cesta de café da manhã para o Dia dos Namorados
Cidade
Abrasel e Associação Comercial vão à Justiça para barrar decreto
Cidade
Comércio pede que restrições comecem na próxima semana

Mais Lidas

Geral
Ex-chiquitita ganha Porsche no 1º Dia dos Namorados
Geral
Vídeo: cadeiradas e vassouradas rolam soltas em 'quebra pau' no MC Donald's
Internacional
Em 40 segundos, pescador é engolido e cuspido vivo por baleia jubarte
Geral
Sérgio Murilo deve deixar secretaria