Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Cidade

"Esse é o novo normal", diz Marquinhos Trad sobre flexibilizações

Campo Grande irá retirar decretos de lotação de ambientes, distanciamento social e outros

16 setembro 2021 - 11h49Matheus Rondon e Brenda Assis

O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, se reuniu na manhã desta quinta-feira (16), com Adelaido Luiz, presidente da Câmara de Dirigentes Logistas (CDL), pessoas do comércio e igrejas para falar sobre as flexibilizações das ações de combate a pandemia do coronavírus. Segundo o prefeito, as novas medidas serão publicadas ainda hoje.

“Em alguns momentos tínhamos que ser flexíveis. Agora em aumento da vacinação, redução de mortes e pacientes em leitos de UTI, convoquei essa reunião. Em momentos precisamos ouvir a ciência. Parabenizamos a conscientização dos estabelecimentos, de todos os setores, eventos, artesãos, cultura, comércio. Houve aumento do aumento de máscara, o pessoal tem entrada higienizado, permanecendo dentro do critério de biossegurança”, disse o prefeito.

O documento, que ainda será publicado ainda hoje no Diogrande, irá revogar todos os decretos estabelecidos durante os picos da pandemia. Mas ações como uso de máscara, disponibilização de álcool gel, controle de filas e venda online de ingressos continuarão sendo obrigatórios.

O que será retirado

Perímetro de distância mínima de 1,5 m exigido pelo distanciamento social, que altera, por exemplo, o funcionamento de eventos com cadeiras e poltronas. Famílias não precisaram manter o afastamento, mas de uma família para outra sim, para se sentir seguranças.

O plano de biossegurança ainda será exigido em locais como templos, igrejas e casamentos, cada estabelecimento terá que verificar a maneira mais segura de continuar funcionando. As festividades de união poderão ter até 200 pessoas, estabelecendo um pequeno limite, mesmo com a retirada de alguns cuidados.

"O momento permite essa flexibilização, assim esta o mundo todo, passeatas, casamentos, eventos, estádios, vemos que está sendo retomado, e nada melhor que retomar com regras, princípios, assim é a nossa cidade", comentou o prefeito. "Esse é o novo normal”, finaliza.

Porém, Marquinhos lembra que as medidas podem voltar caso a situação se agrave novamente. “Decretos mais rígidos podem voltar caso a pandemia fique forte novamente, mas tudo isso vai depender do momento”, comenta.

Carteira de vacinação

Os organizadores de eventos poderão ainda definir espaços restritos para pessoas vacinas e não vacinadas. Caso esses estabelecimentos queiram cobrar a carteirinha de vacinação, terá o apoio da prefeitura de Campo Grande para fazê-lo. Não sendo obrigatório em todo estabelecimento ou evento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Foi convocado? Prefeitura divulga lista de aprovados em processo seletivo
Cidade
Mulher de 47 anos é encontrada morta em casa
Cidade
Feira Central deve funcionar normalmente na noite de hoje
Cidade
Por causa da previsão de tempestade Central 156 da Prefeitura vai até as 21 horas hoje
Cidade
Ao vivo: Marquinhos fala sobre medidas de prevenção para tempestade prevista no fim de semana
Cidade
Maria Aparecida Pedrossian e 7 de setembro recebem recapeamento
Cidade
Energisa conta com helicóptero para auxiliar na recuperação da área rural
Cidade
Procon solicita agilidade no restabelecimento de telefonia celular no Estado
Cidade
Ao vivo: Bombeiros falam sobre o vendaval de sexta
Cidade
Para explicar sobre falta de energia em delegacias, Energisa emite nota para a DPCG

Mais Lidas

Internacional
Mulher mata marido a machadadas após o flagrar estuprando sua filha de 5 anos
Vídeos
JD1TV: Corna vai tirar satisfação com amante do marido e 'pau come' solto
Polícia
Em uma noite, polícia atende três ocorrência envolvendo suicídio
Geral
JD1TV: Funcionário do Carrefour de Campo Grande é humilhado por gerente