Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - maio21
COLUNA

Esplanada

Leandro Mazzini

A inversão

22 abril 2021 - 07h00

Com a recente decisão no STF de anulação das condenações do então juiz Sérgio Moro contra o ex-presidente Lula da Silva, muito se discute nas grandes bancas criminalistas a oportunidade de outros presos da operação Lava Jato, no âmbito da 13ª Vara Criminal, conseguirem o benefício na alta Corte com vistas a recuperar multas milionárias pagas mediante delação premiada, ou devolução de dinheiro bloqueado oriundo de suposta propina. Em alguns casos, são centenas de milhões de reais na conta do Tesouro. Mas por outro lado há um fator preocupante no Judiciário que envolve a Polícia Federal, que pode entrar na mira dos presos. Em eventual abolvição de outros sentenciados, estes podem impetrar ações na Justiça federal contra a atuação da PF e pedir indenização por danos morais com a exposição das prisões.

Precedente

O então  deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT) foi preso em 2014 pela PF acusado de fazer “boca de urna” numa entrevista. O constrangimento na frente dos filhos rendeu processo de indenização, vencido por ele.

Ele avisou

Aliás, Lula disse que todos os que o acusaram iriam pagar um dia. Todos, e citou a PF e Sérgio Moro. Foi durante a sua prisão no episódio que parou o País.

TransFAB

Chegou ao STJ o processo mais polêmico envolvendo os quadros da Força Aérea Brasileira. A Corte vai decidir a patente da aposentadoria de Maria Luiza da Silva, a primeira transsexual da FAB, afastada da carreira após a cirurgia.

De tubarões..

No mesmo dia em que o ministro do STF Alexandre de Moraes anulou a decisão do juiz Marcelo Bretas que transformou em réus o ex-presidente Michel Temer e o ex-ministro Moreira Franco, a ministra Cármen Lúcia absolveu um casal morador de rua de roubo.

..a lambaris

Cármen aplicou o princípio da insignificância para absolver da sentença de 4 meses de prisão casal morador de rua de Joinvile (SC) que roubou produtos de mercado. Foram R$ 155,88 em macarrão, creme dental, sabonete e outros produtos de necessidade básica

Em campanha

Ciro Gomes (PDT) está disposto a ser a alternativa a Lula e Bolsonaro na disputa presidencial. Viaja o País para conversar com caciques. Encontrou ACM Neto (DEM).

‘Comunistazinho’

ACM Neto, centro-direita e liberal desde o berço, foi chamado de ‘comunista’ e ‘comunistazinho’ por bolsonaristas no Aeroporto de Brasília há dias. Quem diria..?

Sincericídio

Com perfil de NOVO e sincerão do Governo de Minas Gerais, diferente dos mais discretos ex-governadores, Romeu Zema enterrou o restante da sua governabilidade ao chamar de mercenários os deputados estaduais. Opositores e até aliados reclamam, entre portas, que ele poderia ter evitado o termo infeliz.

No aquecimento

O maior adversário para a reeleição de Zema, o prefeito da capital, Alexandre Kalil (PSD) – cartola do Atlético que tem votos de milhares de cruzeirenses – até hoje não entrou em bola dividida com a Câmara de Vereadores.

Profissão difícil

Não é novidade para os jornalistas. Mas foi preciso que uma renomada ONG internacional, a Repórteres Sem Fronteira, divulgasse relatório para chamar a atenção. O Brasil caiu quatro posições e passou à 111ª colocação entre 180 países no ranking de liberdade de imprensa global. O País entrou na lista vermelha que aponta a atividade como “difícil” por aqui.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Urna inauditável!?
Urna eletrônica
Vacina nos EUA
Lula e o vice
Panda amazônico