Menu
Busca sexta, 23 de abril de 2021
(67) 99647-9098
TJMS abril21
COLUNA

Esplanada

Leandro Mazzini

Cadê o Pezão?

02 abril 2021 - 08h00

Dois anos e quatro meses após ter entrado numa viatura da Polícia Federal numa operação da Procuradoria Geral da República, a poucos dias de deixar o Governo do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão segue em prisão domiciliar na pequena Piraí, sem trabalho. Vive de aposentadoria do INSS e do aluguel de apartamento. A exemplo de outros alvos da Operação Lava Jato, Pezão entrou na lista dos que reclamam dos abusos de autoridades. Semanas antes da prisão foi inocentado por 6 a 0 no Superior Tribunal de Justiça no processo da delação do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. A amigos que o visitam, diz que não quer vendeta jurídica, mas não esquece o dia em que a PF entrou no Palácio Laranjeiras com fuzis e metralhadoras, com pedido de busca e apreensão determinado pela PGR Raquel Dodge. Teve voz de prisão do procurador e do delegado após 43 perguntas sobre uma conta-salário aberta em 1997 utilizada apenas para receber os ganhos dos cargos que ocupou. Seu processo segue na Justiça Federal.

Arame farpado

O MPF até hoje não encontrou provas também de uma suposta fazenda de R$ 2,5 milhões que seria dele. “Eu nem gosto de roça”, alegou a um contato que o visitou.

Prato feito

Pezão pagou do bolso R$ 1 mil por mês, por quatro anos, de compra de comida para ele e a mulher durante a sua moradia no Palácio Laranjeiras.

O bambuzal

Pezão tem saudade dos tempos em que a maior vergonha que já passara como gestor público foi como prefeito de Piraí. Mandou derrubar um bambuzal de alto de morro para construir um escadão. Era o ‘banheiro’ da comunidade. O povo foi para sua porta.

Cadê o Dirceu?

Que não se enganem sobre o ‘sumiço’ do ex-todo-poderoso ministro José Dirceu. Condenado na Operação Lava Jato, mas com habeas corpus em liminar concedida pelo ministro Dias Toffoli, do STF, é Dirceu quem há mais de ano roda o País dialogando com os diretórios municipais e estaduais para o partido ter candidaturas em 2022.

Lula e ele

As futuras alianças regionais caberão ao candidato a presidente Lula da Silva. E Dirceu nisso tudo? Continuará a ser a eminência parda do PT, com ou sem o governo federal nas suas mãos de novo. Lula e Dirceu não se falam tanto, mais. Mas se falam.

Convites

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa da Câmara esperava pelo general Fernando Azevedo, que caiu sem falar aos deputados. Os futuros comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica podem se preparar que serão os próximos da fila.

Luta da Tributária

O idealizador da proposta do ‘Simplifica Já’, Alberto Macedo, e o economista e ex-Secretario da Receita Marcos Cintra visitaram o vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos, para defender a proposta na Reforma Tributária como alternativa para preservar empregos. A pauta do setor de serviços tem ganhado mais espaço na Casa.

Vacinas S.A.

Com aval da Justiça para compra de vacinas pelo setor privado, sem a necessidade de doação ao SUS, entidades representativas aceleraram as tratativas com laboratórios. É o caso da Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores. A entidade enviou carta aos associados questionando sobre “...o interesse em participar de uma ação de imunização a ser encabeçada pela Confederação Nacional do Comércio.”

Delay do chocolate

Levantamento do TIM Ads aponta que 38% dos 100 mil consumidores ouvidos vão esperar passar a Páscoa para comprar ovos de chocolate com descontos; 6% não têm o hábito de comprar após as festividades, mas mudaram de opinião. Já 7% vão comprar o produto até domingo.

Zé Esplanador

Nosso leitor mais fiel, o Zé Esplanador (seu lema é Perguntar não Ofende, Cobrar é de Direito) está estupefato com a novela da vida real, com a prisão de um garoto sem os dois braços motorista de bando de fuga de assalto. Zé acha que o Brasil é um estúdio de cinema a céu aberto. Falta pegarem o Saci campeão de 100 m rasos, a Cuca de biquíni furando isolamento e a mula sem cabeça que relincha.

ESPLANADEIRA

# O Submarino aderiu à campanha #SOSAcre. A cada R$1 doado pelos clientes em seu site ou app, a marca doará o mesmo valor para a campanha. # Mercado Livre registra aumento de 200% no volume de pedidos na categoria Saúde. # Processo seletivo Projeto Talentos Gyn seleciona candidatos para 16 vagas comissionadas na Prefeitura de Goiânia. # O valor gasto em compras drive-thru, em média, dobrou em relação ao mesmo período do ano passado nos shoppings da PaulOOctavio em Brasília.

Deixe seu Comentário

Leia Também

O "terrível" Mendonça no STF
A inversão
DNA eleitoral
Faroeste pantaneiro
Balela eleitoral