Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
COLUNA

Esplanada

Leandro Mazzini

Povo quer praia

22 junho 2020 - 07h00

Uma sondagem nacional exclusiva sobre destino turístico mostra que a maioria dos brasileiros quer ir para uma praia. A pedido da Coluna, a Paraná Pesquisas perguntou: “Após a pandemia, para qual destino você gostaria de viajar?”. Do total de entrevistados, 35,4% escolheram “Praias”. Há uma demanda reprimida para outros destinos. Na pesquisa estimulada, outros 13,3% indicaram ir para “Hotel Fazenda”; 9,7% para o “Exterior”; 8,9% para “Cidades Históricas”; e 2,7% para o “Interior”. A crise financeira apertou o bolso de 17,3%, que apontaram “Nenhum destino”, e outros 10% ainda “Não sabem”. Pequena parte, 2,7%, indicaram “Outros destinos”. Confira detalhes da pesquisa no nosso site.

Mar & Campo

O Sul lidera índice para quem escolheu Praias (39% dos ouvidos da região apontaram o destino). O Sudeste tem maior índice de preferência para Hotel Fazenda (16%).

Mapa na mão

A pesquisa mostra que 65,7% dos entrevistados são PEA – População Economicamente Ativa. Ou seja, com automia financeira para tomar decisão de viagens.

Panorama

A Paraná ouviu 2.390 pessoas em 230 cidades de todos os Estados e DF, entre os dias 17 e 19 de junho; 47,5% são homens e 52,5%, mulheres. A margem de erro é de 2%.

WW de boa

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e a primeira-dama, Helena, saíram do Palácio Laranjeiras após três meses de confinamento. A primeira parada foi em Bonsucesso, sábado à tarde, num encontro em casa de amigos de Helena no bairro onde nasceu e foi criada. O governador se animou com os pedidos de selfies dos vizinhos.

Em família

Mais tarde, o governador foi a Barra do Piraí  inaugurar nova UPA 24h, onde também parou para tirar fotos. O casal tem ficado mais em família. O irmão do governador, Douglas, militar em São Paulo, tem vindo com mais frequência visitar Witzel.

Falem mal..

Os holofotes da mídia nacional sobre dois personagens recentes das páginas político-policiais estão iluminando pré-candidaturas para o Congresso Nacional 2022. Os youtubers Allan dos Santos e Sara Winter querem entrar pela porta da frente, sem bloqueio do Choque, na Câmara dos Deputados.

Das lives

Outro bolsonarista, mas sem polícia na porta, Osvaldo Eustáquio, jornalista que se destaca entre apoiadores do presidente pelas suas lives, também está de olho numa vaga.

Luz acesa!

A CEB, que não vai cortar energia de ninguém nessa pandemia, lançou renegociação da conta de luz no DF. Com “multa zero, juros zero e pagamento em 6 parcelas sem juros”, lembra o presidente Edison Garcia.

Tá difícil, doutor

O renomado jurista Ives Gandra afirmou em live com a deputada federal Paula Belmonte (Cidadania-DF) que o Brasil precisa de patriotismo dos líderes políticos contra o coronavírus e para a retomada da economia. “A saída para a crise é a união entre a oposição e situação. Precisamos de mentalidade democrática, com o respeito entre as divergências”, destacou Gandra.

O novo morador

A pandemia provocou alteração no perfil dos imóveis procurados para compra e aluguel. A mudança ainda é sutil e não pode ser mensurada, mas gestores da APSA – das maiores administradores de condomínios do Brasil –  observam que há valorização de plantas maiores e que tenham espaço para home office. E casas com área de lazer.

Tragédia social

Efeito social da pandemia atingiu forte crianças venezuelanas. Pesquisa da ONG World Vision, feita em 7 países (Colômbia, Brasil, Venezuela, Equador, Peru, Bolívia e Chile) mostra que uma em cada quatro crianças migrantes foi separada dos pais durante a crise da saúde e que uma em cada três vai dormir com fome.

Ponto Final

Quando um delegado só avisa instantes antes da prisão aos seus subordinados o nome do alvo, para evitar vazamentos, algo não vai nada bem na relação institucional.

Deixe seu Comentário

Leia Também

El juez x el Chef
Cenários da esquerda
Fora de combate
Prospecção
Desencontro na Tributária