Menu
Busca quarta, 18 de setembro de 2019
(67) 99647-9098
COLUNA

Mondovino

Donizetti Vicentin

A incrível historia da uva que ressuscitou

30 abril 2019 - 15h35

O mundo dos vinhos tem histórias realmente incríveis a uva Carmenère mais plantada e emblemática do Chile foi trazida da França por volta da 1850, é protagonista de uma destas incríveis histórias, trazida pelos produtores de vinho chilenos que resolveram importar mudas europeias em especial francesas para produzir em seu país vinho de maior qualidade, foram trazidas mudas de Cabernet Sauvignon, Merlot, Syrah, Carmenère, etc., porem a Carmenère acabou sendo plantada misturada por engano  Merlot e acabou digamos, esquecida.                       

Corria o ano de 1863, quando a filoxera, uma praga agrícola, de origem americana que destrói completamente as parreiras apareceu na Europa dizimando centenas de vinhedos.
 
A velocidade de expansão foi surpreendente, em pouco tempo, cerca de cinco anos as principais regiões produtoras estavam seriamente afetadas, não existe como deter esta praga, a não ser com uma técnica de enxerto de um broto de uva fina sobre uma raiz de uva de mesa a qual a filoxera não ataca. Aconteceu de a uva Carmenere e somente ela não produziu bem com o enxerto então como consequência ela não foi mais plantada era usada no famoso corte  bordalês que é o nome que se dá à combinação de uvas que entram na composição dos vinhos produzidos nas denominações de origem da região de Bordeaux, na França. Estamos falando de:  Cabernet Sauvignon, Merlot, em proporção menor, Cabernet Franc, e em ainda menores proporções, Malbec e Petit Verdot.  
 
Neste meio tempo os chilenos já estavam produzindo vinhos das uvas finas que tinham trazido da França e puderam assim abastecer o mercado internacional.
Uma das peculiaridades do Chile é o fato de não ter sido vítima da praga, pela sua condição geoclimática, protegido pelo Oceano Pacífico, Cordilheira dos Andes, deserto do Atacama e pelas geleiras ao sul. As parreiras chilenas podem ser plantadas a “pé-franco”, isto é, plantadas diretamente no solo, sem necessidade de enxertá-las sobre raízes de outras uvas, como se faz em todo o mundo. 
 
A filoxera existe até os nossos dias tanto que o sistema de enxertia é usado até hoje, um dos mais recentes casos de aparecimento da praga foi em 1980 na região de Tokai, na Turquia, que produz os melhores vinhos de sobremesa do mundo.

Passaram- se assim mais de cem anos. 
 
Em 24 de novembro de 1994, um ampelógrafo, que é o profissional que estuda os tipos de uvas e vinhas, francês chamado Jean-Michel Boursiquot, estava no Chile para o Congresso Sul-Americano de Viticultura e Enologia. Em visita a um vinhedo local, notou que em algumas parreiras amadureciam mais cedo que as outras levando algumas mudas , folhas e uvas para a analise descobriu na realidade tratar - se de parreiras de Carmenère, a uva que estava teoricamente extintas há mais de um século.  Pelas caracteristicas unicas desta uva ela agora é plantada quase unicamente no Chile. 
  
Características. Vinhos desta uva podem ter a cor vermelha rubi, com bordas sangue até violeta, geralmente intenso, dependendo do modo de maturação. 
 
No olfato pode apresentar aromas de frutas vermelhas, herbáceos, especiarias e se tiver amadurecimento na madeira pode despertar aromas como chocolate, charuto, tostado. 
 
Na boca contém taninos mais "leves" que a Cabernet Sauvignon, por exemplo, não chegando à delicadeza da Pinot Noir. Apresenta um vinho de corpo leve a médio e geralmente com pouca ou média persistência.
 
Harmonização. Algumas dicas de combinação com esta casta são carnes vermelhas sem muita gordura, cordeiro assado (famosa no Chile), lasanha à bolonhesa, queijos maduros e peixes gordos (Dourado).
  
BONS VINHOS A TODOS
  
"O vinho molha e tempera os espíritos e acalma as preocupações da mente...ele reaviva nossas alegrias e é o óleo para a chama da vida que se apaga. Se você bebe moderadamente em pequenos goles de cada vez, o vinho gotejará em seus pulmões como o mais doce orvalho da manhã... Assim, então, o vinho não viola a razão, mas sim nos convida gentilmente à uma agradável alegria." (Sócrates - filósofo ateniense do século II. Um dos fundadores da filosofia ocidental)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Gamay a Estrela do Beaujolais
Caríssimo Presidente
O ciclo da uva
Os aromas do vinho
Simpósio sobre clima causa apreensão