Menu
Busca quarta, 13 de novembro de 2019
(67) 99647-9098
Governo - Festival America do Sul
COLUNA

Esplanada

Leandro Mazzini

Dilma, o Papa e a Operação Abafa

13 fevereiro 2013 - 09h52

A despeito da escolha do novo Papa, não será surpresa se a presidente Dilma Rousseff não for a Roma para sua posse. Em 2010, ficaram abaladas as relações dela com o Vaticano, quando o papa Bento XVI, a poucos dias da eleição, pediu que a Igreja no Brasil combatesse ideias sobre aborto. As posições contraditórias da petista causaram polêmica nas comunidades cristã e neopentecostal. Numa emergência, em três dias os senadores Crivella (PRB-RJ) e Magno Malta (PR-ES) viajaram a bordo do jatinho do ex-vice José Alencar e visitaram capitais para acalmar líderes religiosos e pastores.

Operação abafa
A operação de resgate de imagem foi paga pela pelo PT e contou com os dois senadores evangélicos, em visitas para convencer religiosos de que Dilma era contra o aborto.

Abafa 2
Junto à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, que se posicionou com ceticismo quanto a Dilma, trabalhou o católico Gilberto Carvalho, que apagou o incêndio. 

Uma saída
Dilma pode ter uma justificativa. A posse do futuro Papa é bem próxima à visita do futuro pontífice ao Rio, em Julho, para a Jornada Mundial da Juventude.

Causa... 
Não foi surpresa em Sergipe o governador Marcelo Déda (PT) ser vencido pela Assembleia na votação para ajuda do Proinvest – a ajuda da União para obras de infraestrutura. Desde que assumiu Déda tirou dos prefeitos verbas do estado para obras e passou a gerenciá-las. Isso causou uma gritaria constante também dos deputados.

... e Efeito
Enquanto estancou eventuais desvios, digamos,  de finalidades, Déda angariou gratuitamente a fúria discreta até de alguns aliados. Como gosta muito dele e soube da situação, a presidente Dilma dará outra chance: prorrogou prazo.

Apostas papais
De um ‘cardeal’ sem posto: Numa necessária virada histórica da Igreja, o Papa pode sair da África (o primeiro negro) ou do Brasil (o primeiro latino). A grande chance da Igreja, que vem perdendo fiéis na África e América, está nas mãos dos votantes.

É que..
A maioria dos cardeais votantes são da Europa, daí o favoritismo pender para arcebispo de Roma ou Áustria. Mas o nigeriano Francis Arinze lidera o rank.

Mico
Uma pertinente: na visita que o Papa Bento fez ao Brasil em 2007, a primeira-dama dona Marisa foi flagrada em foto beijando a própria mão ao pegar a do pontífice.

Lá, como cá
Basta consulta online. Foi só a demanda para Roma aumentar que as aéreas europeias metem a mão no consumidor. As tarifas low fare que não passavam de 50 euros para a capital romana, de qualquer ponto do continente, já custam 300 euros.

Crise no palco
De um brasileiro que voltou de Las Vegas. A crise americana é tamanha que a pop Britney Spears vai ter apresentações fixas em um cassino, duas vezes por semana. Tal como Celine Dion e Rod Stewart. Shows de Britney custavam milhões há três anos.

Brasil lá fora
A Embratur mandou bem. Há um ano da Copa, promoverá 13 feiras e workshops em nove países, entre eles Alemanha, EUA, Namíbia, Peru, Itália, Uruguai, México e Espanha, onde aliás os brasileiros ainda são muito mal vistos. Infelizmente. 

Perigo na Disney
O alerta ontem do miniditador da Coréia do Norte, que testou bomba nuclear, é prova de que o falecido pai era quem segurava o ego dos seus militares. O garoto perdeu o controle e, porta voz dos generais, já ameaça guerra a EUA, Japão e Coréia do Sul.

Em tempo
Quem retornou à Câmara é o deputado Mario Heringer (PDT-MG), como suplente. Destacou-se na Comissão de Direitos Humanos na abertura dos arquivos militares.

Bloco dos Larápios
Pelo menos seis fotógrafos tiveram seus celulares furtados na Sapucaí do Rio. E só no sábado.

Ponto Final
Enfim, o ano começa hoje.

Por Leandro Mazzini - com Vinícius Tavares, Marcos Seabra e Adelina Vasconcelos
Brasília, Quarta-Feira, 13 de Fevereiro de 2013 – nº 376

Deixe seu Comentário

Leia Também

Aras e o Senado
Mãos ao alto!
Cadê o nosso, Petrobras?
Faroeste amazônico
Barbosa vem aí