Menu
Busca domingo, 20 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Governo vitimas
COLUNA

Esplanada

Leandro Mazzini

Grupo doa a políticos e pede concordata

10 fevereiro 2013 - 06h51

Calote político 
Composto por empresas que prestam serviços a prefeituras do interior paulista, o Grupo Leão Leão, que surgiu no auge político de Antonio Palocci, entrou com pedido de recuperação judicial. Deve a centenas de fornecedores, mas não titubeou em doar R$ 800 mil ano passado para o PSD e PMDB, pela CFO Engenharia, braço da Leão. O dinheiro ajudou na reeleição da prefeita Dárcy Vera (PSD) em Ribeirão Preto. A holding pretende ao menos honrar com salários. Contatada, a empresa não comentou.

O drible
As doações aos partidos, via transferência eletrônica, no valor de R$ 530 mil e R$ 270 mil, foram feitas dias 19 e 22 de Outubro, quando o grupo já devia a fornecedores.

Representante
Em 2010, a CFO doou R$ 125 mil para campanhas de dois candidatos a deputados estaduais e um federal. Só Duarte Nogueira (PSDB), que recebeu R$ 60 mil, foi eleito.

Pá de cal
Já Antônio Souza (PP), que levou R$ 50 mil, e Ubirajara Guimarães (PSDB), com R$ 15 mil, foram investimentos perdidos da Leão. Não se elegeram para Alesp.

Petropreju 
A Petrobras tem 10 membros no seu conselho de administração, entre eles os ministros Guido Mantega (Fazenda), Miriam Belchior (Planjamento), e o presidente do BNDES, Luciano Coutinho. Gente graúda do governo que ganha jeton e se reúne mensalmente para fazer a empresa crescer. Numa companhia privada, teriam sido demitidos. 

Pepino
O investidor privado se afunda. A Petrobras tem dois conselheiros representantes dos acionistas Detentores de Ações Preferenciais: Jorge Gerdau e Josué Gomes da Silva, aos quais cabe a dura tarefa de explicar o rombo aos acionistas.

Olho neles
Gerdau, o maior produtor de aço do país, é ouvido semanalmente pela presidente Dilma Rousseff. Josué, filho do saudoso ex-presidente José Alencar, líder têxtil, ganhou o cargo num afago ao pai, mas tem mostrado conhecimento da causa.

BBB carioca
O Rio teve uma invasão de bombeiros, policiais e guardas municipais, com bikes, quadriciclos e até tratores nas praias. Ensaio para a Copa e Jogos.

Voz brazuca
Destaque em Davos, o economista Marcos Troyjo faz palestra sobre ‘Capital Humano’ na Conferência Mundial de Investimentos em Genebra, amanhã e terça.

Oposição
Presidentes de entidades como a Aprosoja e a Abrapa (Algodão) estão descontentes com a senadora Káta Abreu (PSD-TO) e se mobilizam para desbancá-la do comando da Confederação Nacional da Agricultura.

Ciumeira
O grupo quer alçar ao posto na CNA o deputado federal Homero Pereira (PSD-MT), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária. Eles criticam a aproximação da senadora com a presidente Dilma e seu discurso brando.

Teimosia
O governador Raimundo Colombo (DEM) comete o mesmo erro de outros colegas ao não aceitar ajuda federal para combater a onda de violência em Santa Catarina. Efetivo de dez mil da PM é insuficiente para garantir segurança durante o carnaval e a turistas.

Revelação
O senador Randolfe (PSOL-AP) vai promover a cantora amapaense Patrícia Bastos e seu compositor, Joãozinho Gomes, em Brasília. Faz dia 26 jantar em seu apartamento com a presença da ministra da Cultura, Marta Suplicy, e chamou grandes artistas.

RDC Integrado
Governadores querem flexibilizar contratos do PAC 2 e sugerem que o governo aceite licitação por meio do RDC Integrado, que desburocratiza processo de contratação.

Sem noção
Pouco mais de um mês após a tragédia americana na escolinha, o presidente Barack Obama posar com rifle em caça revela o poder da indústria bélica nos EUA.

Ponto Final
Petrobras: muito óleo para pouco governo.

Por Leandro Mazzini - com Vinícius Tavares, Marcos Seabra e Adelina Vasconcelos
Brasília, Domingo, 10 de Fevereiro de 2013 – nº 374

Deixe seu Comentário

Leia Também

Aras e o Senado
Mãos ao alto!
Cadê o nosso, Petrobras?
Faroeste amazônico
Barbosa vem aí