Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
Senar 18 10 21
Cultura

'Argo' leva Oscar de melhor filme e 'Pi' lidera com quatro estatuetas

25 fevereiro 2013 - 09h41AFP Photo/Robyn Beck

Confirmando a condição prévia de favorito ao principal prêmio do Oscar, "Argo" venceu na noite deste domingo (24) a estatueta de melhor filme. O longa de Ben Affleck – que sequer havia sido nomeado como diretor – faturou em outras categorias importantes: roteiro adaptado e edição.

Maior concorrente da noite, com 12 nomeações, "Lincoln" faturou em design de produção e melhor ator, para Daniel Day-Lewis, que quebrou um recorde da cerimônia da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Jennifer Lawrence ("O lado bom da vida") ficou com a distinção de melhor atriz.

Steven Spielberg viu seu filme perder em 10 categorias e o Oscar de melhor diretor ir para Ang Lee, por "As aventuras de Pi". Ao todo, a superprodução rendeu quatro estatuetas.

A primeira estatueta da noite foi a de melhor ator coadjuvante, para o ator austríaco Christoph Waltz, por seu trabalho em "Django livre", de Quentin Tarantino. O diretor mais tarde dirigiu-se ao palco para receber o prêmio de melhor roteiro original.

Foi a segunda vitória de Tarantino da categoria – a anterior ele conseguiu por "Pulp fiction – Tempo de violência" (1994). Por coincidência, Waltz também tinha levado seu segundo Oscar. Ele foi eleito o melhor coadjuvante justamente por uma parceria com Tarantino, "Bastardos inglórios" (2009).

Já a vencedora na categoria melhor atriz coadjuvante em 2013 foi Anne Hathaway, por "Os miseráveis". O filme também conseguiu outras duas distinções, nas categorias maquiagem e cabelo e mixagem de som. Foi numa categoria técnica, aliás, que o Oscar registrou em 2013 o sexto empate de sua história: "A hora mais escura" e "007 - Operação Skyfall" dividiram a estatueta de edição de som.

Conterrâneo de Christoph Waltz, o cineasta Michael Haneke foi ao palco para receber o prêmio de produção estrangeira, por "Amor", que ainda concorria nas categorias melhor filme e diretor.

O anfitrião da 85ª edição do Oscar foi o controverso Seth MacFarlane, conhecido por ser o diretor de "Ted" e por ser o criador da animação "Uma família da pesada". Além de responder pela condução da cerimônia, MacFarlane aparecia como concorrente, já que disputou na categoria melhor canção original, justamente pela música de "Ted". A vitória, contudo, ficou com Adele, por "Skyfall", tema do novo longa de James Bond.

Via G1

Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Loja da fábrica da Cervejaria Louvada chega a Campo Grande
Cultura
Governo lança campanha para apoiar atividades circenses
Cultura
Nova cervejaria aposta em estilo medieval, Taproom e expediente em horário comercial
Cultura
Tão aguardada, 'Verdades Secretas 2' estreia na próxima quarta-feira
Cultura
Festival Universitário da Canção tem prêmios de até R$ 8 mil
Cultura
Após um ano e meio sem shows, Gal Costa se apresenta hoje na Capital
Cultura
Prefeitura abre licitação para terminar 1ª etapa do Centro Belas Artes
Cultura
Comemoração do Dia das Crianças tem programação especial na Capital
Cultura
Delinha fará show em comemoração aos 44 anos de MS
Cultura
Festival da carne do MS acontece neste fim de semana

Mais Lidas

Clima
Áudio: Atenção - tabela do Inmet é real, não é fake
Clima
Vídeo: Força-tarefa está pronta para novo vendaval
Internacional
Alec Baldwin dispara com arma cenográfica e mata diretora de fotografia
Clima
Previsão de chuva com ventos assusta