Menu
Busca sábado, 20 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

Arte Contemporânea é tema de palestra da crítica de Arte, Marília Panitz, na Capital

23 setembro 2011 - 09h34Divulgação

Abordar a Arte Contemporânea em discussões sobre diferentes linguagens, e sugerir o diálogo de leituras que podem ser feitas a respeito das obras, é uma das propostas do Ateliê Ana Ruas. No dia 29 de setembro, às 19h, com entrada gratuita, a mestre em Teoria e História da Arte pela UNB e crítica de Arte, Marília Panitz, vem a Campo Grande falar sobre o trabalho de dois artistas contemporâneos: a brasileira, Lygia Pape e o italiano, Michelangelo Pistoletto.

De acordo com Marília Panitz, a palestra intitulada ‘Exercícios Iconoclastas’, trata sobre algo entre a destruição da imagem e sua recuperação pela via do imaginário do fruidor. "A conversa será um desdobramento de uma pequena análise das duas primeiras salas do 'Aperto' da Bienal de Veneza 2009, onde estavam, em primeiro lugar: Lygia Pape, e logo em seguida, Michelangelo Pistolletto", revela.

Segundo alguns teóricos, na Arte Contemporânea é necessário que se faça mais do que uma leitura das representações como símbolos e formas. É o conceito do objeto artístico que define a conversa entre o espectador e a obra, que ao desprender-se de pré-conceitos, que limita e distancia do objeto de arte da obra. Ao olhar uma imagem o observador estabelece um processo de reflexão sobre o que sabe e sobre como interpreta o que vê.

O Ateliê abre espaço para discussões sobre a temática convidando estudantes de arte, pessoas ligadas à cultura e público em geral que estejam interessados em abordar o assunto.

Serviço

A palestra será realizada no dia 29 de setembro, às 19h, no Ateliê Ana Ruas, que fica à Rua Inah Cesar Rosas, 8 – Tayamã Park, Campo Grande/MS. Fone: 3326-1078 e 9202-4095 [email protected] A entrada é gratuita.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Imigrantes venezuelanos e líderes de igreja organizam evento
Cultura
Número de indígenas na faculdade é nove vezes maior que 2010
Cultura
Livro sobre heroína indígena criada na capital é uma boa opção para leitura
Cultura
Balneários municipais de MS são opções para passar o feriadão
Geral
Curso grátis de fotografia é aberto no MIS
Cultura
Semana cultural tem cinema e música instrumental no Sesc
Cultura
Bosque dos Ipes abre espaço para exposição indígena
Cidade
Praça Ary Coelho vira palco de muita música e atrações neste sábado
Cultura
No Autódromo, Marquinhos ressalta turismo de eventos
Cultura
Sesc Morada dos Baís recebe "Festival de Polca e Guarânia"

Mais Lidas

Polícia
Empresário e funcionário morrem eletrocutados durante trabalho
Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Justiça
Julgamento de juiz é adiado
Polícia
Motorista é encontrado morto com 14 facadas