Menu
Busca sábado, 20 de abril de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

Cantor Amado Batista se apresenta hoje no clube União dos Sargentos

14 janeiro 2011 - 10h16
O cantor Amado Batista fará um show na noite desta sexta-feira (14) no clube União dos Sargentos. O artista tem feito uma turnê por todas as capitais do País para comemorar os 35 anos de carreira. Amado Batista chegou há pouco no Aeroporto de Campo Grande. O último show da turnê foi em Belém (PA), que de acordo com a Xaxá Produções, responsável pelo evento, reuniu mais de 25 mil pessoas. A última vez que o cantor esteve na Capital, de acordo com a produtora, foi em 2009. Ainda em comemoração ao aniversário de carreira, o cantor gravou recentemente o CD e DVD "Meu louco amor", pela Sony Music. Os ingressos custam R$ 20 inteira e R$ 10 para estudantes. O preço do camarote será R$ 50. As entradas estão disponíveis para a venda na lanchonete Gugu Lanches, localizada no cruzamento das avenidas Ernesto Geisel e Afonso Pena, no Centro da cidade. O show tem horário de início previsto para as 23 horas. O clube União fica na rua Terenos, em frente à Praças das Araras. Informações pelo telefone 9111-5555. Carreira - Amado Batista nasceu em uma fazenda em Davinópolis (GO), que na época se chamava distrito de Catalão. Sempre foi fã de música: aos 6 anos ganhou uma gaita de um amigo do irmão dele e nunca mais parou de tocar, aprendeu violão aos 15 e tocava para as pessoas na cidade. Amado montou uma loja de discos juntando o dinheiro que ganhava trabalhando em uma livraria. O estabelecimento ficava na estação rodoviária de Campinas, bairro de Goiânia, e se chamava "RC 7". Colocou o irmão para tomar conta enquanto trabalhava na livraria. Com o dinheiro comprava mais discos. Assim sua loja foi crescendo e foi através dela que Amado conheceu vários artistas e pessoas importantes de gravadoras. Na época da Ditadura Militar foi preso pela Polícia Federal e recolhido no Batalhão do Exército, por conhecer pessoas que eram contra o governo. Ficou 2 meses na prisão. O primeiro LP (Log Play) foi em 1975 pela gravadora "Chororó". Foi para São Paulo de carona com Ari Gonçalves, que era famoso como cantor. Também usou o mesmo estúdio do Ari. Neste mesmo ano conheceu Reginaldo Sodré e compuseram juntos a música "Desisto". Como o disco não tinha foto, ninguém sabia quem realmente era o Amado. Ele que continuava com sua loja, vendia os seus próprios discos e ninguém o reconhecia, mas faziam filas enormes para comprar LP. Depois do sucesso do primeiro disco, as gravadoras grandes começaram a procurar Amado Batista. Ele assinou contrato de 4 anos com a Continental. Ganhou um prêmio de disco mais vendido do ano. A gravadora acreditava que o disco venderia apenas 100.000 cópias. Mas o novo disco lançado em 78 chamado "Sementes de Amor" com a música "Amor Perfeito", vendeu 1 milhão de cópias. Hoje são 30 discos gravados e fãs espalhados por todo o país e exterior.
pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Museu Casa Pontal aguarda decisão de prefeitura para retomar obras
Cultura
Imigrantes venezuelanos e líderes de igreja organizam evento
Cultura
Número de indígenas na faculdade é nove vezes maior que 2010
Cultura
Livro sobre heroína indígena criada na capital é uma boa opção para leitura
Cultura
Balneários municipais de MS são opções para passar o feriadão
Geral
Curso grátis de fotografia é aberto no MIS
Cultura
Semana cultural tem cinema e música instrumental no Sesc
Cultura
Bosque dos Ipes abre espaço para exposição indígena
Cidade
Praça Ary Coelho vira palco de muita música e atrações neste sábado
Cultura
No Autódromo, Marquinhos ressalta turismo de eventos

Mais Lidas

Polícia
Corpo de mulher é encontrado amarrado em árvore às margens da BR-262
Geral
“Em tempos de crise a solução é inovar”, diz empresária
Cidade
Morre no Rio, aos 40 anos, MC Sapão
Polícia
Jovem tem bicicleta furtada em estacionamento de supermercado