Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Sebrae/mulher
Cultura

Cinema d(e) Horror encerra o semestre com filme sobre amor e tempo

20 junho 2012 - 09h15Reprodução

O projeto Cinema (d)e Horror, uma parceria entre a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), realiza nessa quarta-feira (20) a última exibição do semestre com o filme “Time – O Amor Contra a Passagem do Tempo”, às 18h30, na sala Rubens Corrêa do Centro Cultural José Octávio Guizzo. A entrada é gratuita.

O filme “Time – O Amor Contra a Passagem do Tempo” (2006/Japão-Coréia do Sul/97min12anos) é dirigido por Kim Ki-duk e conta a história de Seh-Hee (Park Ji-Yeon) e Ji-Woo (Ha Jung-Woo) que são namorados de longa data. Eles estão apaixonados, mas Seh-Hee tem uma crise de ciúmes quando seu namorado se sente atraído por outra mulher. Ela está convencida de que Ji-Woo perderá o interesse no relacionamento à medida que o tempo for passando.

Para prevenir o rompimento, Seh-Hee decide passar secretamente por uma cirurgia plástica, de modo que ela se torne uma “nova mulher” para o namorado. Certo dia ela desaparece do mapa, deixando Ji-Woo magoado. Com o tempo, porém, ele vai se esquecendo de Seh-Hee e termina por se apaixonar por uma mulher misteriosa, que guarda um segredo que mudará suas vidas.

A mediadora do debate dessa sessão é Juliana Rahe, mestra em estudos de linguagem pela UFMS. O Cinema d(e) Horror está em seu 5º ano, sendo coordenado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propp) da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, através da professora doutora Rosana Cristina Zanelatto Santos e por Rodrigo Kruppa, acadêmico do curso de Letras da UFMS e vice-coordenador do projeto.

Geralmente tem duas exibições mensais e conta com a participação de graduandos e mestrandos da área de Letras da UFMS ou convidados especiais para as exibições e debates de filmes que tratam da categoria "Horror" no plano das artes, contando também com a participação da sociedade campo-grandense.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo que fica localizado na rua 26 de Agosto, 453, entre as ruas Calógeras e a 14 de Julho.

Via Notícias MS

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Papa Francisco defende união civil entre homossexuais
Cultura
Daniela Albuquerque faz especial sobre o Pantanal e pede fim das queimadas
Cultura
Cantor de Anhanduí emociona e avança à próxima fase do The Voice Brasil
Cultura
Ângelo Arruda lança livro de poesias e CD nos dias 21 e 30 de outubro
Cultura
Em comemoração aos 43 anos de MS, Fundação de Cultura realiza show no Parque das Nações
Cultura
Vídeo: Primeiro show ao vivo com público durante a pandemia
Cultura
Decreto que regulamenta Lei Aldir Blanc em MS é publicado no Diário Oficial
Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo

Mais Lidas

Polícia
Carta de arrependimento é escrita por advogado que matou PM no trânsito
Cidade
Detran-MS promete agilizar atendimento utilizando totens de serviços
Economia
Dólar fecha em queda pelo segundo dia seguido
Justiça
Em sessão "sofrida", MS ganha julgamento do gás boliviano