Menu
Busca terça, 15 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

FestinBonito: Turismo ganha impulso em Bonito durante o festival

12 julho 2010 - 11h13Rachid Waqued

A união entre cultura e natureza proporcionada pelo Festival de Inverno contribui para aumentar o movimento turístico em Bonito no período entre o fim de julho e o início de agosto. Essa realidade já constatada pelo trade deve se repetir este ano. De acordo com a diretora-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), Nilde Brun, nos últimos anos vem sendo registrado crescimento do número de visitantes de fora do Estado que vão à cidade por causa do festival.

“Além daquelas pessoas daqui que se programam todo ano para esse evento, nós percebemos que o festival está tomando corpo, que já chega a ser conhecido até internacionalmente e mais pessoas decidem participar”, afirmou Nilde, que participou do evento de apresentação da programação, nesta quarta-feira (7), na Governadoria. “É uma movimentação nova, é recurso novo que circula no comércio, na economia local. As pessoas vêm não só pela beleza, mas para aproveitar toda a programação do festival”, completa.

Uma situação identificada pela Fundação de Turismo e pelos empresários do setor é que o festival faz com que a temporada de inverno se estenda. Nilde Brun explica que, com as atrações culturais, o período de maior fluxo, que encerraria por volta do dia 20 de julho, por conta do fim das férias escolares, acaba ganhando mais um período.

A eleição de Bonito por oito vezes como melhor destino de ecoturismo do Brasil torna o município conhecido no País e costuma despertar o interesse de outros polos em conhecer a gestão turística local. “Isso faz com que seja não apenas um destino consolidado, mas um modelo para outros, e é importante essa associação com atividades culturais que valorizam o turismo sustentável”, diz Nilde.

Além da oportunidade de aliar entretenimento cultural aos atrativos, o festival oferece ao público, na programação, atrações que discutem a sustentabilidade e a preservação ambiental. Neste ano, quando o tema do FestIn é “A Natureza das Artes te chama”, um importante evento paralelo será o Encontro do Geopark Bodoquena Pantanal. Especialistas, ambientalistas, pesquisadores, representantes de 12 municípios de Mato Grosso do Sul e dez entidades federais e estaduais se reunirão com o objetivo de avançar nas discussões para a estruturação do Geopark, que tem como foco inserir o Estado na rede global de geoparks sob a proteção da Unesco.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Após morte do pai, cantora supera luto e lança novo trabalho
Cultura
MS 42 anos, conheça a história do hino do Estado
Cultura
Zíngaro abre Festival do Chamamé nesta quarta na Praça do Rádio
Cultura
JD1 sorteia 15 ingressos para talk show com Denilson e Muricy
Cultura
Nona edição do Arte no Meu Bairro acontece sábado no Santo Amaro
Cultura
“A ficha não caiu”, diz cantor de MS que se apresentará no Rock in Rio
Cultura
Espetáculo Crianceiras retorna a Campo Grande dia 20 de outubro
Cultura
Feira Mãos que Criam edição Primavera terá forró de danças típicas para animar evento
Cultura
Primavera será tema da feira Mãos que Criam
Cultura
Artistas têm até segunda para inscrever projetos no edital do Fasp 2019

Mais Lidas

Geral
Morre o empresário Antônio Farias, o "Baiano"
Polícia
Jaime Valler estava na lista da milícia para morrer
Geral
Pai encontra filho morto, enforcado com fio de nylon
Geral
Mulher morre por descarga elétrica ao tentar ligar máquina de lavar