Menu
Busca quarta, 20 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

“Poética dos Bugres” será lançado na próxima quinta-feira

Isabella Banducci Amizo, lança "Poética dos Bugres" no Sesc Cultura, às 19h30

27 janeiro 2019 - 17h13Da redação com assessoria

Como se dá a mudança de status dos bugrinhos de artesanato à obra de arte? Quais os diferentes significados que a obra de Conceição dos Bugres adquire com o passar dos anos, desde o início de sua produção até o momento em que se tornam um marco identitário do estado de Mato Grosso do Sul? Qual é o contexto político-social e cultural que permeia sua realização e valorização? Essas são algumas das principais questões que o livro Poética dos Bugres: uma incursão sobre arte, identidade e o outro propõe investigar. Pontos que serão apresentados pela autora, Isabella Banducci Amizo, na palestra durante o lançamento do livro no dia 31 de janeiro às 19h30 no Sesc Cultura.

Em meados da década de 1960, a artista Conceição Freitas da Silva dá início a uma produção que lhe proporcionou reconhecimento internacional e que se tornou um dos símbolos da arte sul-mato-grossense: os bugres. Essas esculturas são consideradas, hoje, uma das principais peças da arte do estado e sua imagem é amplamente difundida e utilizada desde a publicidade até em materiais do poder público.

De artesanato à obra de arte

Uma mudança de status é observada na obra da escultora até que se torne uma referência para o estado. Os bugrinhos, esculpidos por Conceição dos Bugres, poderiam ser considerados peças artesanais, mas ganham estatuto de obra de arte, legitimados, inclusive, por museus e galerias Mato Grosso do Sul afora, fazendo parte de acervos importantes, como do Museu de Arte Contemporânea de Mato Grosso do Sul
(MARCO), da Galeria Estação (SP) e do Museu AfroBrasil (SP), e ainda tendo participado, entre outras exposições, da Mostra do Redescobrimento – Brasil 500 anos (SP). Além disso, tornam-se ícones da arte e da cultura de um estado que busca, no momento em que Conceição desenvolve a produção, marcar sua identidade e diferenciar-se do vizinho Mato Grosso, a partir do qual foi dividido.

Arte e sociedade

A arte não se configura apenas como um ornamento ou acessório, mas, muitas vezes, explica os verdadeiros movimentos da sociedade. No prefácio do livro, a crítica de arte Maria Adélia Menegazzo, afirma que o grande mérito do trabalho de Amizo é, justamente, indagar como a obra de Conceição Freitas, resumida aos bugrinhos, transita pelos vários espaços sociais indistintamente.

O livro é resultado de um projeto incentivado pelo Fundo de Investimentos Culturais – FIC/MS, com apoio da Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania e do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul. E a realização da pesquisa, que deu origem ao livro contou com o financiamento, por meio de bolsa de estudos CAPES – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, e FUNDECT –Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul.

Sobre a autora:

Isabella Banducci Amizo é cientista social, graduada pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Na mesma instituição cursou Mestrado em Estudos de Linguagens, cuja dissertação deu origem ao livro Poética dos Bugres: uma incursão sobre arte, identidade e o outro. Ao longo de sua carreira, participou de projetos de pesquisa voltados para o estudo da cultura de Mato Grosso do Sul e da fronteira com o país
vizinho, Paraguai. Entre eles: Romaria do Sinhozinho: devoção e fé em Bonito-MS e Rituais religiosos e fúnebres na fronteira do Brasil com o Paraguai. Entre artigos e capítulos de livros publicados, destaca-se Polca Rock em Mato Grosso do Sul: aspectos da identidade cultural na pós-modernidade.

Serviço:

Lançamento do livro Poética dos Bugres: uma incursão sobre arte, identidade e o outro precedido de palestra sobre o tema do livro | dia 31 de janeiro às 19h30 no Sesc Cultura, avenida Afonso Pena, 2270.
Contato para entrevistas ou mais informações: Thais Pompêo 98406 1232.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Sem carnaval no interior, Corumbá espera receber 30 mil turistas por dia durante folia
Cultura
TVE retransmite entrevista em homenagem a Dino Rocha
Cultura
Sesc Morada dos Baís terá primeiro grito de Carnaval
Cultura
Unidos da Vila Carvalho homenageia os 50 anos da comunidade em desfile
Cultura
Sesc Cultura terá sessões de cinema com produções de MS
Cultura
Carnaval é lançado oficialmente na sexta-feira
Cultura
Capital sedia festival de Rock 100% dedicado à música autoral local
Cultura
Desfile das escolas de samba será dia 4 e 5 de março
Cultura
Completando 26 anos, bloco “As Depravadas” pede muito amor nesse carnaval
Cultura
Mara Caseiro assume a Fundação Cultura

Mais Lidas

Geral
Imagens fortes: Mulher perde 80% do lábio inferior após ser mordida em briga
Polícia
No centro, homem tenta fotografar partes íntimas de mulher
Polícia
Mulher é espancada após negar manter relações sexuais com marido
Polícia
Em briga na cela, presidiário fura olho de outro