Menu
Busca sábado, 24 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

Som da Concha instrumental terá Marcos Assunção e Rajiv do Sax

09 dezembro 2010 - 17h09
As últimas apresentações do projeto Som da Concha de 2010 serão marcadas pelo som instrumental dos músicos Marcos Assunção e Rajiv do Sax. Os shows acontecem neste domingo (12), a partir das 17h30 na Concha Acústica Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas. A entrada é franca. Marcos Assunção iniciou em 1998 um intenso trabalho de pesquisa musical. Detentor de uma sonoridade marcante, projeta ao universal o regionalismo na busca de novos horizontes. Em 2003 o músico deu um importante passo na sua carreira ao formar um duo com o violonista Eduardo Martinelli. Em 2004 formou um trio de música instrumental, denominado Toca Trio, desenvolvendo um trabalho próprio e diferenciado. Marcos Assunção teve destaque pela versatilidade e pela técnica primorosa na execução de obras para violão, dos compositores Radamés Gnattali e Agustin Barrios, que ele mesmo adaptou para guitarra. Foi em 2008, porém, que Marcos Assunção iniciou o seu trabalho solo e inaugurou sua fase autoral. Do violão, guitarra semi-acústica e viola caipira nasceram composições inspiradas na sua paixão pela música instrumental, tendo como influências o Jazz e a música brasileira e erudita. Rajiv do Sax é um músico especializado flauta, sax baixo, barítono trompete e Sax alto. Foi regente da Banda de Música Municipal de Rochedo de 2002 a 2005. É integrante da Banda de Música Municipal de Campo Grande Maestro Ulisses Conceição desde 1989. Em 2007 gravou seu primeiro álbum, produzido com repertório de músicas regionais e patrocinado pelo Fundo Municipal de Investimentos Culturais. O instrumentista já participou da gravação de CDs de artistas e grupos musicais que atuam de Mato Grosso do Sul, entre eles, Jucy Ibanes, Lia Mayo, Só pra Descontrair, Banda Maestro Ulisses Conceição, André Barbosa, Edwin Ferraz e Seresteiros de Campo Grande. Som da Concha - Durante este ano, em 36 apresentações, cerca de 7.200 pessoas estiveram presentes nos shows do projeto. Ao todo 194 músicos e intérpretes puderam mostrar sua arte e contribuir com a divulgação da cultura musical de Mato Grosso do Sul. Serviço - O Som da Concha é uma realização da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, que prevê apresentação de shows em domingos alternados. A Concha Acústica Helena Meirelles fica no Parque das Nações Indígenas, na Rua Antonio Maria Coelho, nº 6000. fonte: CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
3º Festival Gastronômico da Bom Pastor tem início nesta sexta
Cultura
Formação da sociedade sul-mato-grossense é tema de Ciclo de Palestras na capital
Cultura
Esplanada Cultural tem início nesta sexta-feira
Cultura
Capital terá mais de 20 eventos em comemoração aos 120 anos; confira
Cultura
Advogada de MS lança livro sobre defesa de adolescentes
Cultura
“Arte no Meu Bairro” leva Grupo Tradição ao Coophavila neste sábado
Cultura
Feira Central terá música ao vivo toda quarta
Cultura
CineFórum abre incrições na 2° edição do evento
Cultura
Reinaldo abre Festival de Inverno de Bonito nesta quinta
Cultura
Marcos e Belluti abrem o Festival do Sobá, em Campo Grande

Mais Lidas

Geral
Confira a lista de sorteados cadastrados na EMHA
Polícia
Rapaz é contratado por aplicativo para fazer corrida e desaparece
Geral
Vereador e filho são encontrados mortos a tiros dentro de casa
Oportunidade
Processo Seletivo do Senar/MS tem salários que chegam a R$ 6,5 mil