Menu
Busca sábado, 19 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Governo vitimas
Cultura

Som da Concha instrumental terá Marcos Assunção e Rajiv do Sax

09 dezembro 2010 - 17h09
As últimas apresentações do projeto Som da Concha de 2010 serão marcadas pelo som instrumental dos músicos Marcos Assunção e Rajiv do Sax. Os shows acontecem neste domingo (12), a partir das 17h30 na Concha Acústica Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas. A entrada é franca. Marcos Assunção iniciou em 1998 um intenso trabalho de pesquisa musical. Detentor de uma sonoridade marcante, projeta ao universal o regionalismo na busca de novos horizontes. Em 2003 o músico deu um importante passo na sua carreira ao formar um duo com o violonista Eduardo Martinelli. Em 2004 formou um trio de música instrumental, denominado Toca Trio, desenvolvendo um trabalho próprio e diferenciado. Marcos Assunção teve destaque pela versatilidade e pela técnica primorosa na execução de obras para violão, dos compositores Radamés Gnattali e Agustin Barrios, que ele mesmo adaptou para guitarra. Foi em 2008, porém, que Marcos Assunção iniciou o seu trabalho solo e inaugurou sua fase autoral. Do violão, guitarra semi-acústica e viola caipira nasceram composições inspiradas na sua paixão pela música instrumental, tendo como influências o Jazz e a música brasileira e erudita. Rajiv do Sax é um músico especializado flauta, sax baixo, barítono trompete e Sax alto. Foi regente da Banda de Música Municipal de Rochedo de 2002 a 2005. É integrante da Banda de Música Municipal de Campo Grande Maestro Ulisses Conceição desde 1989. Em 2007 gravou seu primeiro álbum, produzido com repertório de músicas regionais e patrocinado pelo Fundo Municipal de Investimentos Culturais. O instrumentista já participou da gravação de CDs de artistas e grupos musicais que atuam de Mato Grosso do Sul, entre eles, Jucy Ibanes, Lia Mayo, Só pra Descontrair, Banda Maestro Ulisses Conceição, André Barbosa, Edwin Ferraz e Seresteiros de Campo Grande. Som da Concha - Durante este ano, em 36 apresentações, cerca de 7.200 pessoas estiveram presentes nos shows do projeto. Ao todo 194 músicos e intérpretes puderam mostrar sua arte e contribuir com a divulgação da cultura musical de Mato Grosso do Sul. Serviço - O Som da Concha é uma realização da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, que prevê apresentação de shows em domingos alternados. A Concha Acústica Helena Meirelles fica no Parque das Nações Indígenas, na Rua Antonio Maria Coelho, nº 6000. fonte: CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Scalise expõe arte sustentável no Bosque dos Ipês
Cultura
Apresentação marca os 12 anos do Coral Municipal de Sidrolândia
Cultura
De Luan a Almir, Zezé fala do seu encanto pela música de MS
Cultura
"Seresteiros" ocorrerá nesta quarta na Praça dos Imigrantes
Cultura
Zezé e Reinaldo lançam festival que terá, ainda, Paralamas e Diogo Nogueira
Cultura
Zezé Di Camargo e Luciano farão abertura de Festival América do Sul 2019
Cultura
Cantora de MS supera obstáculos na carreira e lança novo álbum
Cultura
MS 42 anos, conheça a história do hino do Estado
Cultura
Zíngaro abre Festival do Chamamé nesta quarta na Praça do Rádio
Cultura
JD1 sorteia 15 ingressos para talk show com Denilson e Muricy

Mais Lidas

Justiça
Name já driblou a Justiça alegando problemas de saúde
Internacional
Mulher mata e esquarteja amigo que teria matado seu gato
Brasil
Vídeo - Câmeras mostram funcionário quebrando coluna de prédio antes de desabar
Geral
Prefeitura abre processo seletivo para entrevistador social