Menu
Busca domingo, 27 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Cultura

Som da Concha une influências da MPB de Thatiana Martins e Simona

15 abril 2012 - 08h15Divulgação

O projeto Som da Concha apresenta no palco da Concha Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas, o som e a criatividade de Thatiana Martins e do cantor Simona. Os shows acontecem a partir das 17h30, com entrada franca.

Nascida em Londrina, Thatiana Martins passou a infância e a adolescência em Cornélio Procópio, norte do Paraná, onde compôs suas primeiras músicas. Aos 17 anos já contava com mais de 20 composições. A mudança para Campo Grande ocorreu há 12 anos. Na Capital amadureceu sua arte e em 2008, junto com o produtor musical e amigo Tuchê, definiu o repertório e iniciou as gravações do seu primeiro álbum, intitulado “Tudo Ao Meu Tempo”, lançado em 2009.

Com repertório que brinca com poesia e passeia pelos mais variados ritmos, a compositora reafirma sua linguagem própria, avessa aos rótulos e aos pré-conceitos. De estilo refinado e envolvente, o álbum é composto por 12 faixas com 10 composições próprias, sendo duas em parcerias com grandes amigos e com participação de músicos que já tocaram com Vanessa da Mata, Elza Soares e Fernando e Sorocaba.

Para o Som da Concha, além das canções do disco, Thatiana Martins ainda apresenta músicas que foram eternizadas por artistas como Ney Matogrosso, Chaminé Batom, Cássia Eller, Os Mutantes, Paula Lima e Pato Fu. Uma excelente oportunidade de apreciar o timbre grave e doce e o carisma dessa artista revelação.

Simona - Seu pai, Manoel Custódio, tocava viola de cocho e cantava músicas do folclore cuiabano. Sua mãe, Juliana, também o acompanhava no canto, no reco-reco e no ganzá (instrumentos de percussão feitos de bambu). Compositor filho de cantador, que tem o pique da Bahia e foi criado com mandioca, Simona veio para Campo Grande quando tinha apenas 2 anos, crescendo com a música e explorando os sons sul-mato-grossenses.

Nos anos 80 Simona participou dos festivais de música "Pratas da Casa", juntamente com Almir Sater, Paulo Simões, Grupo Acaba, Zé Pretinho, Paulo Gê, Carlos Colman e Família Espíndola. Também participou de vários festivais de música no interior de São Paulo. Abriu shows de Beto Guedes e Belchior e cantou no Rio de Janeiro, compartilhando o palco com Zé Ramalho, Moraes Moreira e Fagner.

Participou do 6º Festival de Inverno de Bonito, em 2005, quando lançou seu primeiro álbum, que foi contemplado com Fundo de Investimentos Culturais (FIC). Em 2009, se apresentou no Projeto MS Canta Brasil, fazendo a abertura para o cantor Jorge Ben Jor.

Sua música, inspirada na MPB, abusa do swing e do balanço, mesmo quando o acompanhamento vem apenas do violão. O timbre de voz de Simona, forjado em mais de 40 anos de carreira, fazem seu som ainda mais especial, que lembra bastante a batida brasileira dos anos setenta.

Som da Concha

O projeto é uma realização da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul em parceria com a Fundação Manoel de Barros, TV Brasil Pantanal e 104 FM Rádio MS. Prevê apresentação de shows em domingos alternados.

A Concha Acústica Helena Meirelles fica no Parque das Nações Indígenas, na Rua Antonio Maria Coelho, nº 6000. Outras informações pelo telefone (67) 3314-2030. A entrada é franca.

Via FCMS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo
Cultura
"Posso ver meus filhos novamente" diz Wesley Safadão após resultado negativo do exame da covid-19
Cultura
Toots Hibbert, a lenda do reggae, morre aos 77 anos na Jamaica
Cultura
Lives: Maiara e Maraísa e Marcos e Belutti agitam esta sexta
Cultura
DJ Danilo Bachega comemora 25 anos de carreira com remix de Lulu Santos
Cultura
Jads e Jadson fazem live hoje
Cultura
Autocine deste domingo tem atração para criançada e com “A raposa má”
Cultura
Carnaval de Corumbá entra para o calendário oficial de MS

Mais Lidas

Cidade
Acidente entre caminhão e carreta mata uma pessoa na BR-262
Política
Campanha das eleições municipais começa neste domingo
Polícia
Festa com mais de cem acaba na delegacia
Geral
Vídeo: Fogo no Nabileque consome até ponte