Menu
Busca quarta, 23 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS setembro20
Cultura

Unidos da Tijuca é a campeã no Rio

06 março 2014 - 11h56Via G1
A Unidos da Tijuca é novamente a campeã do Grupo Especial das escolas de samba do Rio de Janeiro. A vitória veio com a apuração das notas na tarde dessa quarta (05), na Praça da Apoteose, e foi uma disputa décimo a décimo. A Unidos da Tijuca terminou com 299,4 pontos, apenas 0,1 a mais que o vice-campeão Salgueiro.

O terceiro título em cinco anos – os outros haviam sido em 2010 e 2012 – consolida a escola do carnavalesco Paulo Barros entre as grandes do carnaval carioca. Ao todo, é a quarta conquista na história, já que a escola venceu também em 1936.

A escola azul e amarela foi a última entre as doze a entrar na avenida – o desfile terminou às 5h36 de terça-feira (04).

Ultrapassar todas as concorrentes tem tudo a ver com o tema do desfile deste ano. Com o enredo "Acelera, Tijuca!", a Unidos da Tijuca lembrou os 20 anos da morte de Ayrton Senna e lançou um desafio: quem seria capaz de vencer o tricampeão da Fórmula 1?

A agremiação do Borel convocou personagens velozes para disputar uma corrida. Speed Racer, Ligeirinho, Papa Léguas, Sonic, The Flash, Penépole Charmosa, Dick Vigarista (do desenho "Corrida Maluca") e outros "correram" com atletas, pilotos e invenções do homem, como o trem bala e a internet.

Os 3,6 mil componentes vieram divididos em 34 alas. Na pista da Sapucaí, passaram figuras como animais velozes, máquinas potentes, super-heróis e aviões supersônicos. Os integrantes da bateria vieram fantasiados de mecânicos, acompanhados da rainha Juliana Alves.

O abre-alas simbolizou os boxes, onde os pilotos costumam se preparar antes de corridas. As baianas rodaram vestidas com saias que tinham detalhes em amarelo e azul, representando uma largada. Bruno Senna, sobrinho do homenageado, e Viviane, irmã, desfilaram. Tinga cantou o samba, de versos como "Acelera Tijuca, eu vou com você / Nosso lema é vencer / Guiando o futuro, que um sonho construiu / Ayrton Senna do Brasil".

O quinto carro alegórico levou para a avenida diversas fotos de Senna. O piloto, que morreu em um acidente na Itália, em 1994, foi três vezes campeão mundial, em 1988, 1990 e 1991. O carro que encerrou o desfile mostrou o início de Senna no kart, com troféus.

O carro seguinte mostrou componentes fantasiados como cavalos. Beija-flor, guepardo, peixe agulhão e falcão peregrino também foram retratados. O segundo carro representou uma curva perigosa. O trecho de pista escolhido para ser homenageado foi a Curva Eau Rouge (Água Vermelha), do circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica.

Outras alas foram dedicadas ao personagem Senninha e à famosa bandeira quadriculada, que encerra as corridas, e houve ainda um carro que simulou um pit stop em plena avenida.

Classificação geral
Enquanto a Unidos da Tijuca comemora, outra escola da mesma região lamenta o rebaixamento: a Império da Tijuca ficou na última posição na disputa. No sábado, o Desfile das Campeãs contará com a presença das seis primeiras colocadas: Unidos da Tijuca, Salgueiro, Portela, União da Ilha, Imperatriz e Grande Rio.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo
Cultura
"Posso ver meus filhos novamente" diz Wesley Safadão após resultado negativo do exame da covid-19
Cultura
Toots Hibbert, a lenda do reggae, morre aos 77 anos na Jamaica
Cultura
Lives: Maiara e Maraísa e Marcos e Belutti agitam esta sexta
Cultura
DJ Danilo Bachega comemora 25 anos de carreira com remix de Lulu Santos
Cultura
Jads e Jadson fazem live hoje
Cultura
Autocine deste domingo tem atração para criançada e com “A raposa má”
Cultura
Carnaval de Corumbá entra para o calendário oficial de MS

Mais Lidas

Brasil
Elias Maluco é encontrado morto em presídio
Internacional
Noivo descobre traição antes do casamento e se vinga
Polícia
Pitbull invade quintal e ataca jovem e dona diz que "não pode fazer nada"
Polícia
Corpo de cabeleireiro é encontrado em rio