Menu
Busca quinta, 06 de maio de 2021
(67) 99647-9098
Sebrae
Economia

Governo quer reavaliar votação do projeto da dívida dos estados

04 fevereiro 2014 - 11h34Via Terra
O governo federal quer evitar a aprovação do projeto que muda o indexador da dívida dos estados e municípios, uma das pautas prioritárias do Senado, pelo menos no início do ano legislativo. A avaliação de auxiliares do governo de Dilma Rousseff é de que o cenário internacional, com a retirada de investimentos pelo Federal Reserve (o FED, Banco Central americano), não é favorável para reestruturação da dívida.

“Temos uma situação bastante delicada do Banco Central americano no recolhimento dos dólares que praticamente inundaram o planeta, situações muito específicas de alguns países importantes no entorno do Brasil, então para nós é importante reavaliar a votação dessa matéria nessa conjuntura econômica”, disse a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, após reunião de líderes governistas da Câmara.

O projeto, já aprovado pela Câmara, muda o indexador da dívida do IGP-DI acrescidos de 6%, 7,5% ou 9% para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) mais 4% ou a taxa Selic, o que for menor para o devedor. O texto prevê a correção do estoque da dívida desde a assinatura dos contratos, de acordo com a variação da Selic.

A matéria é uma reivindicação de estados e municípios, que alegam dificuldades em realizar investimentos por causa da dívida acumulada com a União. As dívidas dos estados passam de R$ 467 bilhões.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, defendeu, em dezembro, o adiamento da votação por entender que poderia comprometer o cumprimento da meta dos estados. O Senado não apreciou a matéria e colocou como primeiro item da pauta para este ano. “Acho que é prudente que nós reabramos as conversas e façamos um entendimento em relação ao calendário de apreciação”, afirmou o presidente do Senado nessa segunda.
Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Beneficiários nascidos em abril podem sacar auxílio emergencial
Economia
Trabalhadores nascidos em março podem sacar auxílio emergencial
Economia
Beneficiários nascidos em fevereiro podem sacar auxílio emergencial
Economia
Beneficiários com NIS final 0 recebem auxílio emergencial
Economia
MS tem alto índice de geração de empregos
Economia
Nascidos em dezembro recebem primeira parcela do auxílio emergencial
Economia
Auxílio emergencial é pago para nascidos em novembro
Economia
Rio Verde de MT terá ponte que ligará BR a núcleo industrial do município
Economia
Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em outubro
Economia
Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 6

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio