Menu
Busca quinta, 21 de março de 2019
(67) 99647-9098
Economia

Índice de famílias endividadas dispara para 77% na Capital

29 setembro 2011 - 09h36Arquivo

Neste mês o índice de famílias campo-grandenses endividadas atingiu o maior nível histórico: 77%, segundo a Pesquisa do Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) divulgada pela Confederação Nacional do Comércio e Bens, Serviços e Turismo (CNC). O índice vai na contramão do País.

"Reflete também a demanda reprimida porque durante vários meses deste ano as vendas em Mato Grosso do Sul ficaram abaixo da média nacional e agora as pessoas voltaram a comprar", avalia o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Mato Grosso do Sul, Edison Ferreira de Araújo. Além disso, Edison observa que a questão está diretamente relacionada ao nível de emprego. Com maior estabilidade e renda, as pessoas assumem mais compromissos a prazo.

De acordo com a PEIC, em agosto o índice de famílias endividadas era de 52%. Em números absolutos o salto foi de 128.228 para 190.505 famílias que têm compromissos como cheque pré-datado, cartões de crédito, carnês de lojas, empréstimos pessoal, prestações de carro e seguros.

Um dado que preocupa, porém, é que o índice de famílias com contas em atraso passou de 26% a 43% e das que disseram que não terão condições de pagar foi de 8% a 15%. O cartão de crédito continua representando o principal credor destas famílias, 52,8% disseram que têm compras a prazo no cartão os carnês aparecem na sequencia, apontados por 32% e em terceiro o crédito pessoal, 13,6%. A maioria das famílias, 37%, está comprometida com as dívidas por mais de um ano e para 39,6% o comprometimento de renda com as parcelas fica entre 11% e 50%.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Universidade auxilia contribuintes na declaração do Imposto de Renda
Economia
Aneel quita empréstimo a distribuidoras e luz terá redução de 3,7% em média
Economia
Mega-Sena pode pagar prêmio R$ 11 milhões neste sábado
Economia
Em MS, indústrias de chocolate esperam aumentar faturamento em 10% na Páscoa
Economia
Dólar sobe e fecha a R$ 3,848; Bolsa cai após recorde
Economia
Bolsa bate recorde e dólar fecha quase estável
Economia
Ministro da Cidadania confirma 13º salário do Bolsa Família
Economia
Puxada pela alimentação e educação, inflação sobe em fevereiro
Economia
Bolsa sobe 2,79% e dólar cai 0,73%
Economia
Hoje vence a segunda parcela do IPTU

Mais Lidas

Polícia
Orgia em motel vira caso de polícia
Polícia
Imagens fortes - Mais um é executado em menos de 24 horas na fronteira
Polícia
Vídeo - Um morre e outro fica ferido em execução na fronteira
Polícia
Adolescente é estuprada por quatro homens em Aquidauana