Menu
Busca sexta, 23 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Economia

Longen destaca presença do Senai junto ao setor sucroenergético

26 junho 2011 - 04h45Assessoria

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, destacou a presença do Senai junto ao setor sucroenergético com a qualificação de 1.515 trabalhadores no ano passado e previsão de capacitar mais de 1.700 pessoas até o fim deste ano.

A declaração foi dada por ele, ao participar, na segunda-feira passada (20/06), da cerimônia de lançamento da pedra fundamental da usina de álcool e energia elétrica que o Grupo ETH Bioenergia está construindo em Costa Rica.

"O lançamento dessa pedra fundamental demonstra que o setor se consolida no Estado. Hoje, há a presença do Senai na qualificação dessa mão de obra, tanto para as usinas do Grupo ETH, quanto para as de outros grupos", informou Longen.

De acordo com ele, o segmento industrial conta com mais de 15 mil trabalhadores apenas nas usinas. "Nesse cenário, estamos investindo na adequação da nossa infraestrutura de atendimento, com a abertura de agências profissionais em Nova Alvorada do Sul e Deodápolis", conta.

Longen também menciona que está sendo realizada a reforma, ampliação e modernização do centro de educação de tecnologia em Dourados, aquisição de modernos equipamentos, como a microdestilaria didática de etanol, e a capacitação de técnicos que atendam aos processos industriais.

O presidente da ETH Bioenergia, José Carlos Grubisich, ressalta que Mato Grosso do Sul tem grande importância na estratégia de crescimento do Grupo ETH.

"Com as três unidades agroindustriais – Eldorado, localizada em Rio Brilhante, Santa Luiza, localizada em Nova Alvorada do Sul, e agora Costa Rica – em plena operação, atingiremos no Estado a produção de 1,1 bilhão de litros de etanol e 980 GWh de energia de biomassa por safra", explicou.

Com investimento da ordem de R$ 1 bilhão, a Usina Costa Rica, localizada na estrada que liga o município a Alcinópolis, será inaugurada em outubro deste ano, tendo capacidade de processar 360 milhões de litros de etanol anualmente e gerar 1,8 mil empregos diretos.

Para o presidente da Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul), Roberto Hollanda Filho, completa que hoje Mato Grosso do Sul conta com 21 usinas em produção e com previsão de outras três entrarem em operação ainda neste ano, já incluindo a unidade de Costa Rica.

O governador André Puccinelli confirmou o apoio do governo estadual à implantação de um pólo de produção de polietileno oriundo da cana-de-açúcar – o plástico verde - pela Braskem, que, assim como a ETH Bionergia, pertence ao grupo Odebrecht.

"Já posso adiantar a concessão de incentivos fiscais e também a doação de terreno para a Braskem, caso a empresa resolva construir uma fábrica de plástico verde no Estado. Temos ainda a vantagem de envolver os municípios na oferta de incentivos fiscais e de mão de obra", disse.

Prefeitura - Niver CG

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Ministério da Economia corta despesas para garantir serviços essenciais
Economia
Bolsonaro diz que vai ouvir Guedes sobre novo imposto
Economia
Aumento na conta de luz pressiona inflação para os mais pobres
Economia
Financiamento imobiliário com taxas diferenciadas é anunciado pelo BB
Economia
Índice de confiança do empresário tem alta pelo 3º mês seguido
Economia
Fiems apresenta aos militares do exército potencial econômico de MS
Economia
Coaf muda para o Banco Central
Economia
Abertura de empresas tem melhor resultado desde 2013 em MS
Economia
Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep
Economia
Com recursos bloqueados, Exército pode cortar um terço dos recrutas

Mais Lidas

Geral
Confira a lista de sorteados cadastrados na EMHA
Geral
Vereador e filho são encontrados mortos a tiros dentro de casa
Oportunidade
Processo Seletivo do Senar/MS tem salários que chegam a R$ 6,5 mil
Polícia
Jovem é morto a tiros na frente da família