Menu
Busca terça, 07 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Economia

MS registrou quase 600 novas empresas em janeiro, aponta Jucems

08 março 2011 - 10h01
Campo Grande (MS) – Mato Grosso do Sul registrou um número expressivo de abertura de empresas durante o mês de janeiro, conforme aponta um balanço da Junta Comercial do Estado (Jucems). De acordo com dados da entidade, foram oficializadas 598 novas firmas. Em janeiro do ano passado esse número foi de 507 novas empresas e no mês anterior (dezembro de 2010), foram 561. Também foram registradas pela Jucems, 1.018 alterações contratuais de empresas, quase 300 a mais do que no mesmo período de 2010. De acordo com o presidente da Junta Comercial, Vagner Bertolli, “isso é resultado da política de desenvolvimento do Estado. Essas aberturas vêm suprir uma demanda da própria sociedade”. O número de filiais constituídas de empresas no mês de janeiro também merece destaque: conforme levantamento do último mês, divulgado pela Jucems, foram 99 novas filiais constituídas. Para o presidente, Vagner Bertolli, o número provoca um reflexo direto na geração de empregos em Mato Grosso do Sul. Reunião de vogais O resultado do crescimento empresarial no Estado foi apresentado na segunda-feira (28 de fevereiro) durante a primeira reunião dos vogais de 2011, e também a primeira fora do prédio da Jucems. Os vogais realizaram a reunião na Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems), em atendimento ao convite do presidente Sérgio Longen. “Fazer as nossas reuniões fora da Jucems foi uma sugestão da Fiems e estamos muito satisfeitos em termos aceitos porque nos permite conhecer as Casas que integram a nossa mesa de vogais”, declarou o presidente da junta comercial. Bertolli lembrou ainda que a Jucems é o berço das novas empresas e que o trabalho dos 18 escritórios regionais e da Sede, em Campo Grande, é dar fluidez a esse processo. “Trabalhamos para garantir rapidez e eficiência para o nosso usuário. Nossa meta é melhorar cada vez mais”, afirmou. Fonte: Notícias MS
Assembleia julho-20

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
230 mil empresários receberam indevidamente o auxílio de R$600, aponta TCU
Economia
Junho tem o maior volume de vendas do ano, diz Receita Federal
Economia
BNDES disponibiliza R$5 bi para micro, pequenas e médias empresas
Economia
Fiems e Banco do Brasil anunciam linha de crédito emergencial para empresários
Economia
Procon encontra variações de até 897% nos preços de produtos de inverno
Economia
Produção de petróleo em maio caiu devido pandemia
Economia
AO VIVO - Entidades orientam empresário a obter empréstimos de emergência
Economia
Crédito emergencial para empresas será anunciado nesta quarta
Economia
Ações de cobrança são prorrogadas até 31 de julho pela Receita
Economia
Hoje tem pagamento do auxílio emergencial; veja se você recebe

Mais Lidas

Geral
Banda V12 realiza live nesta quinta, com músicas escolhidas pelo público
Educação
Escola do Sesi de Maracaju promove sarau de poesia virtual
Polícia
Homem espanca, asfixia e mata bebê ao descobrir que não é o pai biológico
Entrevista
AO VIVO - Tudo sobre fake news, agora no JD1