Menu
Busca sábado, 14 de dezembro de 2019
(67) 99647-9098
Perkal
Economia

Na Argentina, Guedes afirma que o governo vai liberar 35% do FGTS

O ministro da economia afirmou que R$ 42 bilhões serão liberados aos trabalhadores

17 julho 2019 - 15h35Mauro Silva, com informações da Folha de São Paulo

O ministro da Economia Paulo Guedes garantiu, durante a 54º Cúpula do Mercosul que acontece na Argentina, que o governo anunciará em alguns dias as regras para liberação do dinheiro das contas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

De acordo com Guedes, até 35% do valor depositado poderá ser retirado das contas, a expectativa do governo é que R$ 42 bilhões sejam liberados aos trabalhadores. Devem ser liberados também R$ 21 bilhões dos recursos do Pis/Pisap.

O ministro disse que os valores poderão ser sacados no mês de aniversário dos que tiverem o benefício disponível. O plano para liberar os valores aos trabalhadores vem sendo discutido há meses, que busca meio de impulsionar a economia do país.

A expectativa mais recente do governo em relação ao mercado financeiro é de que o Produto Interno Bruto (PIB) cresça 0,81%, desempenho menor se comparado com o 1% registrado em 2017 e 2018.

PMCG - Cidade do Natal

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Selvíria tem o 6° maior PIB per capita do Brasil, diz IBGE
Economia
Saque complementar do FGTS será liberado no dia 20
Economia
Governo incentiva empresa a atuar no estado com o FCO
Economia
Caixa começa a pagar PIS de nascidos em dezembro
Economia
Refis Natalino é prorrogado e atendimento será retomado nesta quarta
Economia
Receita abre consulta ao 7º lote de restituição do IRPF
Economia
Melhoria na logística da MS-306 gera desenvolvimento econômico
Economia
Industria brasileira de aço reclama de Trump
Economia
Refis Natalino ultrapassa meta e arrecada mais de R$ 15 mi
Economia
Dólar da trégua e tem queda semanal

Mais Lidas

Polícia
Homem foge após tenta matar ex-esposa e ex-cunhada
Esportes
Al Hilal vence e encara Flamengo nas semifinais
Cidade
Prefeitura entregou cartões com crédito imobiliário e CRFs neste sábado
Polícia
Homem é preso dois meses após torturar, abusar e matar amigo