Menu
Busca quarta, 12 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
TJMS agosto/20
Economia

Número de indústrias em MS cresce 29,7% em quatro anos

09 dezembro 2011 - 10h42Arquivo

Durante a abertura do 1º Encontro Construindo o Futuro de Mato Grosso do Sul realizada ontem à noite (08/12) pelo Crea-MS, em Campo Grande, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, divulgou os números que demonstram o desenvolvimento gerado pelo setor industrial no Estado nos últimos quatro na palestra "Mato Grosso do Sul - Industrialização Gerando Desenvolvimento".

"A indústria estadual vem se consolidando e os números confirmam isso ao apontar crescimento de 29,7% na quantidade de estabelecimentos industriais de 2007 até outubro deste ano, saindo de 7.615 para 9.878. Além disso, no mesmo período, o número de trabalhadores no setor saltou de 90.888 para 126.567, aumento de 38,3%, enquanto as exportações de industrializados se elevaram de US$ 663,1 milhões para US$ 2,4 bilhões, uma alta de 261,9%", pontuou.

Sérgio Longen acrescenta que o avanço da industrialização em Mato Grosso do Sul tem demandando inúmeras ações por parte do Sistema Fiems, por meio do Sesi, Senai e IEL, que procura atuar para que as indústrias possam ser mais competitivas e, assim, possa enfrentar, da melhor maneira possível, a concorrência com os produtos asiáticos. "A cada ano que passa, fica mais difícil competir, em pé de igualdade, com a produção chinesa, que não precisa enfrentar a pesada carga tributária brasileira. Ainda temos de arcar com os pesados custos da energia, que é uma das mais caras do mundo, penalizando o setor produtivo como um todo", enumerou.

Apesar dos percalços encontrados pelo setor ao longo do caminho, o presidente da Fiems reforça que as indústrias têm contribuído para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul, onde 15 dos principais municípios já têm o PIB Industrial superior ao PIB Agropecuário. "No próximo ano, vamos implantar o PDR (Programa de Desenvolvimento Regional) para estimular a criação de novos polos industriais nas diversas regiões do Estado. Para identificar esses polos, o PDR vai promover um completo diagnóstico da atividade industrial em todo o Estado, consolidando o mapa das vocações e demandas locais, além de propor soluções capazes de descentralizar o desenvolvimento industrial via incentivos fiscais regionais e abordagem sistêmica dos gargalos impostos pela logística", informou.

Para o presidente do Crea-MS, Jary Castro, os números apresentados pelo presidente da Fiems reforçam que o momento atual é de valorização dos profissionais da área tecnológica pelo importante papel que desempenham no que se refere ao desenvolvimento do Estado. "Além da agropecuária, o Estado passou a ter espaço para outros setores da economia, como a industrialização e a construção civil, que vêm alavancando o crescimento do Estado", destacou durante a abertura do 1º Encontro Construindo o Futuro de Mato Grosso do Sul.

Índice de desenvolvimento

Ainda durante a palestra "Mato Grosso do Sul - Industrialização Gerando Desenvolvimento", Sérgio Longen divulgou o Índice de Desenvolvimento Municipal de Campo Grande, Corumbá, Dourados e Três Lagoas, que foi elaborado pelo Sistema Indústria. Na Capital, os dados apontam que o município apresenta alto índice de desenvolvimento, tendo registrado crescimento de 24% no PIB Industrial entre 2007 e 2008, saindo de R$ 1,25 bilhão para R$ 1,55 bilhão, enquanto o número de indústria saiu de 1.629 em 2007 para 2.207 em 2010, alta de 35%. Já a quantidade de trabalhadores no setor aumentou de 30.941 no ano de 2007 para 43.565 até outubro deste ano, ou seja, elevação de 41%, sendo que as exportações, no mesmo período, cresceram 43%, partindo de US$ 150,3 milhões para US$ 214,8 milhões.

Em Corumbá, o Índice de Desenvolvimento Municipal revela que a cidade tem desenvolvimento moderado, mas com crescimento de 129% no PIB Industrial no período de 2007 a 2008, saindo de R$ 179,3 milhões para R$ 411,4 milhões, enquanto a quantidade de indústrias aumentou 21%, elevando-se de 117 para 141 no período de 2007 a 2010. Com relação ao número de trabalhadores no setor, o aumento foi de 24%, partindo de 2.561 em 2007 para 3.163 até outubro deste ano, sendo que as exportações, no mesmo período, teve elevação de 545%, indo de US$ 94,4 milhões para US$ 609,5 milhões.

Dourados também tem índice de desenvolvimento moderado com crescimento de 21% no PIB Industrial, saindo de R$ 346,5 milhões para R$ 418,3 milhões no período de 2007 a 2008. O número de estabelecimentos industriais saltou de 469 para 573, entre 2007 e 2010, com alta de 22%, enquanto a quantidade de trabalhadores aumento de 7.753 para 11.710 no período de 2007 a outubro deste ano, ou seja, crescimento de 51%. Mesmo índice das exportações, que, no mesmo período, aumentaram de US$ 80,3 milhões para US$ 121,2 milhões.

A cidade de Três Lagoas é outra que tem índice de desenvolvimento moderado, mas registra um crescimento vertiginoso de 6.239% nas exportações no período de 2007 a outubro de 2011, saltando de US$ 7,6 milhões para US$ 484,3 milhões. Com relação ao PIB Industrial, a elevação foi de 24%, saindo de R$ 397,5 milhões em 2007 para R$ 491,9 milhões em 2008, enquanto o número de indústrias cresceu 22%, saindo de 264 em 2007 para 323 em 2010. Já os trabalhadores do setor aumentaram de 9.222 para 11.695 no período de 2007 a outubro de 2011, ou seja, elevação de 27%.

Senar - agosto2020

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
FGTS vai distribuir R$ 7,5 bi em lucros aos trabalhadores
Economia
Preços da gasolina e eletricidade impactaram inflação de julho
Economia
Confira quem pode sacar o FGTS emergencial nesta segunda
Economia
Com totens indicativos, produtos de MS ganham destaque nas prateleiras
Economia
Caixa abre agências neste sábado para beneficiários do auxílio
Economia
Capital: Cesta básica teve alta em julho, diz Dieese
Economia
Associação Comercial não quer fechamento da capital por 14 dias
Economia
Ministério da Economia quer o fim da meia-entrada nos cinemas
Economia
Salário de servidores estaduais é pago nesta segunda
Economia
Receita prorroga suspensão das ações de cobrança até 31 de agosto

Mais Lidas

Polícia
Negociação com homem que tenta suicídio, dura mais de 11 horas
Polícia
AO VIVO - Homem tenta se matar no Cophavilla
Geral
Bolsonaro corta 60% da verba destinada à Rede Globo
Polícia
Agora: Homem faz família de refém e fala em suicídio