Menu
Busca segunda, 01 de março de 2021
(67) 99647-9098
Governo - campanha estado que cresce - Topo
Entrevista

“Acreditem mais na política”

Entrevista com Carlão, presidente da Câmara Municipal

11 janeiro 2021 - 07h40Matheus Rondon é Joilson Francelino

Em entrevista, o vereador Carlão, (PSB), eleito por unanimidade como Presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, conversou com o JD1 Notícias sobre os projetos e novos rumos para a Casa de Leis. “Acreditem mais na política, as mudanças que já existem foram feitas através da política, as coisas que precisam ser feitas acontecem através da política”, disse.

Carlão conta que está preparado para aproximar mais a câmara com a população. “A Câmara é poder que representa o povo de Campo Grande, então temos que estar atendendo as demandas e discutindo as pautas de toda a cidade, na área de cultura, esporte, saneamento básico, meio ambiente e saúde. As dificuldades dos moradores dos bairros são muitas, é muito longe, muitos bairros sem asfalto, sem vaga de creche, sem cobertura de ponto de ônibus. Nosso intuito é fazer sessões itinerantes deliberativas com as entidades de classe, e sessões comunitárias, com os presidentes de bairro, aí nós vamos saber os problemas e dificuldades, o vereador vai ficar próximo da comunidade”, comenta.

O presidente também salienta a importância de aproximar o poder com os representantes de bairro e que na Câmara terá uma sala para facilitar processos administrativos. “Nós temos um anexo aqui na Câmara e vamos voltar a sala dos conselheiros regionais, Campo Grande é dividida em sete regiões , nós temos que ter um espaço para os líderes, é mais fácil colocar os líderes mais próximos dos vereadores", disse.

Sobre as reclamações dos moradores dos bairros, Carlão diz que muita coisa pode ser agilizada e evitar burocracia. “A maioria delas, o vereador tem o contato direto com os secretários, as indicações vão para o gabinete e de lá é encaminhado para o secretário, até chegar nele vão 15 dias pela burocracia. Se ele tiver contato com o secretário, ele já manda uma cópia da indicação via WhatsApp, pedindo troca de lâmpada, cobertura de ponto de ônibus, coisas mais simples. Quando você vai pedir uma obra, escola, asfalto é mais demorado.”, destaca.

Questionamos o vereador sobre o período tumultuado que a Câmara passou em gestões passadas e se isso já está no passado. “Com certeza. Na época da cassação do ex-prefeito Alcides Bernal, houve muitas dificuldades de convívio entre o Executivo e Legislativo, então houveram investigações, processos, essa briga é passado. Nosso mandato não tem retrovisor, tem para brisas, vamos olhar para frente, buscar novos horizontes e harmonia com o executivo. Mas não vamos abrir mão da nossa independência aqui na Câmera. Eu não vou ser líder do  prefeito aqui na Câmara, ele tem ter líder e vice-líder aqui, que vão conversar com vereadores e eu vou presidir a casa”, disse.

Carlão destaca a necessidade de deixar a Câmara Municipal mais aberta para a população e que o tratamento deve ser igual para todos que ali entrarem. “João Rocha fez uma boa administração, ficou cinco anos, o que eu quero mudar um ponto a cara da Câmara, aqui em frente tem mais guarda municipal do que civil. A Câmara tem que ter aquela essência do povo simples, tem que receber o desembargador igual recebe um líder de bairro. Não abro mão da segurança, mas a frente de ser popular vai mudar. Vamos discutir abrir as pontas para todas as entidades, fazer audiências públicas, foi feito muito, mas vamos fazer mais. Os projetos são abranger todos os interessados, se for relacionado a religião, chamar as igrejas, educação, os professores, se é sobre médicos, chamar o sindicato. Eu acho que a câmara vai avançar quando ouvir o povo, sendo mais participativa. Vamos mudar o aspecto humano", explica.

Para o presidente, as audiências sobre coronavírus, com especialistas que aconteciam na gestão de João Rocha, devem continuar e são de extrema importância. “Nós temos grandes médicos que vão discutir sobre isso. A mesa diretora vai dar todo o suporte. Isso é uma pauta é emergencial e precisamos discutir ela sempre, criar uma comissão de combate ao Covid-19, igual João Rocha criou. Vou tentar ser se teremos condições de ser presencial, espero que as pessoas entendam e façam o distanciamento, para nós chegarmos em fevereiro com a vacina e retornar a nossa vida normal, retomar a economia que foi tão afetada. Nós estamos prontos para atender a nossa cidade", disse.

Carlão avalia que é necessária maior participação das mulheres na política, visto que apenas uma se elegeu nas eleições municipais de 2020.  “Eu acho ruim, o debate das mulheres é importante, conversei com a Camila Jara (PT), aqui na câmara nos temos a procuradoria da mulher, nós vamos dar todas as condições dessa procuradoria ser ouvida nos bairros. Eu vejo que a mulher tem que participar das políticas, nós tivemos bons nomes, o mais importante é as mulheres participarem das eleições. É muito ruim termos 28 homens e apenas uma mulher, teria que ter mais participação delas no parlamento”, destaca.

O presidente encerra a entrevista dizendo todos os 29 vereadores eleitos estão preparados para o serviço que vem pela frente nos próximos dois anos.  “O poder legislativo não gere o poder dos impostos, que gere é o executivo, mas nos temos o papel  fundamental na democrática, que é fiscalizar e reivindicar. Os 29 vereadores eleitos farão com muita desenvoltura e vontade de trabalhar. Eu acredito que nós vamos ajudar o prefeito a terminar as obras paradas, os asfaltos, melhorar o transporte coletivo", finaliza.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Entrevista
"Desde o início da pandemia é uma classe que está atuando"
Entrevista
AO VIVO - Farmacêuticos na pandemia e na vacinação de Covid-19
Entrevista
JD1 entrevista Dr. Flávio Shinzato na segunda-feira
Esportes
Futuro presidente da Federação de Tênis do MS depende de decisão judicial
Entrevista
"O desafio é melhorar a máquina e aumentar a produtividade"
Entrevista
JD1 entrevista Carlos Contar nesta terça
Entrevista
Entrevista com Carlão, presidente da Câmara
Entrevista
JD1 entrevista Carlão nesta quarta, ao vivo

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio