Menu
Busca quarta, 23 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS setembro20
Esportes

Ao contratar Elias, Corinthians estoura orçamento em R$ 7 mi

13 abril 2014 - 05h44Via Uol Esporte
A transferência do volante Elias provocou estouro de R$ 7 milhões no orçamento previsto pelo Corinthians para contratações nesta temporada. E não vai parar por ai já que o clube também quer pagar por Rafael Sóbis, do Fluminense. Em resumo, a política de contenção de investimento está abandonada e, assim, o clube terá de cortar outros custos para compensar.

Em 2013, o alvinegro do Parque São Jorge ultrapassou em R$ 45 milhões o previsto para ser gasto com a aquisição de direitos sobre os atletas. Diante desse forte investimento, e de um cenário de baixas receitas em 2014, o Corinthians previu que gastaria apenas R$ 10 milhões neste ano com este item. Havia um cenário de aperto e o discurso de que o elenco era suficiente.

Só que, durante a péssima campanha no Paulista, o técnico Mano Menezes iniciou uma reformulação e passou cobrar reforços. Chegou a fazer ironias com o investimento do ano passado.

A partir daí, o clube abriu o cofre. Entre as contratações menores, pagou ou vai quitar no futuro: Bruno Henrique (R$ 750 mil), Uendel (R$ 3 milhões), Ferrugem (R$ 600 mil) e Petros (R$ 500 mil). E, finalmente, se comprometeu a dar € 4 milhões (R$ 12,2 milhões) por Elias. No total, são R$ 17,050 milhões.

A maioria dessas transferências será parcelada. No caso do volante, por exemplo, só a primeira fatia de € 1 milhão (R$ 3 milhões) será quitada em outubro deste ano. Mas, sob o ponto de vista contábil, tudo é registrado no balanço de 2014. Por exemplo, o clube pagou uma parte de Pato em janeiro deste ano, mas a despesa foi registrada em 2013.

“Para contratações, ultrapassou a verba. Mas existe uma necessidade do elenco. Se precisa fazer, então vai precisar fazer um ajuste lá na frente, reduzir alguma despesa'', afirmou o diretor financeiro do Corinthians, Raul Corrêa e Silva.

O departamento de futebol tenta executar essa redução de gastos com a saída de jogadores com salários altos, como é o caso de Emerson Sheik. Só assim poderia investir ainda mais R$ 3 milhões previstos em Sóbis.

Caso contrate o atacante tricolor por este valor, o Corinthians dobraria já em abril o gasto com contratações em relação ao previsto. Isso ocorre em um cenário de receitas reduzidas, com a eliminação do Paulista e a demora na utilização do Itaquerão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Covid-19: com seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça
Esportes
Com uma novidade de Tite em convocação para início das Eliminatórias
Esportes
Em emendas parlamentares, esporte de MS recebe R$ 1,64 milhão
Esportes
Vídeo: Corinthians é recebido com protesto pela torcida no aeroporto
Esportes
Vídeo - Neymar é expulso por dar tapa em jogador que o chamou de "macaco"
Esportes
Projeto Amigos do Parque volta neste final de semana
Esportes
Moreninha lll ganhará pista de skate e quadra de areia
Esportes
Messi se reapresenta ao Barcelona após tentativa frustrada de saída
Esportes
São Paulo e Fluminense se enfrentam pelo Brasileirão neste domingo
Esportes
Brasileirão deste sábado tem Flamengo, Corinthians e Santos

Mais Lidas

Brasil
Mudam as leis de trânsito, confira as alterações
Internacional
Sem motivos ou explicações, Torre Eiffel, em Paris, foi esvaziada
Saúde
UPA's e CRS's contam com 15 pediatras e 50 clínicos nesta manhã
Política
AO VIVO - Acompanhe a reunião da Comissão do Pantanal no Senado