Menu
Busca domingo, 19 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Esportes

Brasileiros garantem vagas em finais no Mundial de Ginástica

01 outubro 2013 - 10h30Via Uol
O Brasil teve bom desempenho com seus ginastas no Mundial da Antuérpia, nesta terça-feira (1º). Nas eliminatórias por aparelho, o país garantiu cinco vagas em quatro brigas por medalhas na competição disputada na Bélgica.

Diego Hypólito e Arthur Zanetti, os outros dois que entraram em ação nesta terça, começaram bem as disputas. Os dois ginastas brasileiros conseguiram ficar em segundo lugar em suas provas e brigarão pelo pódio no próximo sábado.

No solo, Diego Hypólito obteve a nota 15,600, a mesma que lhe garantiu o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, em 2011. Ele ficou atrás apenas do japonês Kenzo Shirai, que fez uma apresentação quase perfeita e somou 16,233, aparecendo na liderança.

O brasileiro ainda conseguiu se classificar no salto, com a quinta melhor nota no geral (14,924 como média dos dois saltos). Sergio Sasaki também se garantiu na briga e conseguiu ficar à frente do compatriota - teve a terceira melhor nota (14,987).

Já Arthur Zanetti, campeão olímpico nas argolas e um dos favoritos à medalha de ouro, ficou atrás de Yang Liu, da China. O brasileiro teve a nota 15,733 contra 15,866 do asiático, que avançou em primeiro.

No sábado, em uma espécie de 'ensaio-geral' antes do Mundial, Arthur Zanetti apresentou um movimento que leva o seu nome e que recebeu a nota F, conceito que representa o mais alto grau de dificuldade. Na Antuérpia, o campeão olímpico não tem a concorrência do chinês Chen Yibing, prata em Londres e ouro nos Jogos de Pequim, em 2008.

"Eu fiz a série nova e gostei dela, mas gastei muita força. Essa série é muito mais difícil do que a que eu fazia. Mas a série em si foi boa, mas na chegada, na saída das argolas, eu dei um pulo razoável, nem tão curto e nem tão longo. Mas, no geral, o objetivo de passar à final foi alcançado", afirmou o ginasta.

Sérgio Sasaki e Arthur Nory, mesmo sem competirem nesta terça, tiveram suas vaga garantidas na final do Individual Geral. Sasaki avançou com o sexto lugar e Nory com o 18º entre os 24 que vão brigar por medalha.

Outros dois brasileiros competiram neste segundo dia de provas, mas não foram bem e ficaram fora de suas finais. Péricles Silva obteve 12,600 no cavalo com alças e Francisco Barreto teve 14,500 nas paralelas e 14,600 na barra fixa.
Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Marta passa Pelé na artilharia da Seleção
Esportes
Atletas da capital vão representar MS em Campeonato Jiu-Jitsu
Esportes
Yeltsin Jaques "fez história na Paralimpíadas de Tóquio", diz Rose Modesto
Esportes
Yeltsin Jacques é recepcionado pelo Corpo de Bombeiros no Aeroporto nesta terça-feira
Esportes
Tóquio 2020: Cerimônia de encerramento encanta com a beleza da diversidade
Esportes
Anvisa paralisa jogo Brasil x Argentina e jogadores poderão ser deportados
Esportes
Campeonato Brasileiro de Handebol acontece de 03 a 07 de setembro em MS
Esportes
MS recebe Campeonato Brasileiro de Handebol neste fim de semana e feriado
Esportes
Primeiro ouro de parataekwondo da história vai para brasileiro
Esportes
Brasil enfrenta Chile pelas Eliminatórias da Copa do Catar

Mais Lidas

Polícia
Homem encontra pênis decepado dentro de pote no jardim da casa da mãe
Saúde
Com 8 meses de vacinação, MS é o 1º Estado a atingir imunidade coletiva
Polícia
Homem encontra o pai morto em avançado estado de decomposição na Vila Carvalho
Brasil
Homem coloca fogo em casa com ex-mulher e filhos dentro