Menu
Busca domingo, 19 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Esportes

Camisa amarela do Palmeiras gera saia justa, e Nike cobra ação da CBF

12 novembro 2013 - 10h30Via Uol
O uniforme comemorativo do Palmeiras lançado no último dia 26, em alusão à equipe do clube que representou o Brasil na inauguração do Mineirão em 1965, colocou em rota de colisão dois dos maiores fornecedores de material esportivo do mundo: Nike e Adidas.

O conjunto, desenvolvido pela empresa alemã e utilizado na partida contra São Caetano, inclui camisa verde e amarela, calção azul e meias brancas, fazendo clara referência ao uniforme de jogo da seleção brasileira. A evidente semelhança gerou insatisfação na Nike, patrocinadora e fornecedora da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), e que detém exclusividade sobre a camisa de jogo utilizada pelo Brasil.

O acordo entre a confederação e a empresa norte-americana prevê que a CBF deve zelar pelo respeito aos contratos de uso da marca da seleção. Com base nisso, a patrocinadora acionou a entidade e pediu providências quanto ao material, o qual considerou praticamente uma réplica.

Segundo o site Uol Esporte, a confederação, por meio de seu vice-presidente Marco Polo Del Nero, que também é conselheiro do Palmeiras, entrou em contato com a diretoria do clube na última quinta-feira para revelar o problema e solicitar a suspensão das vendas da camisa amarela.

O Palmeiras, por sua vez, levou a questão para a Adidas. A empresa, entretanto, não tem qualquer intenção de abrir mão do produto. Os resultados da pré-venda foram considerados extremamente satisfatórios. Além disso, a relação entre o clube e a patrocinadora já não é mais a mesma desde que ela assinou com o Flamengo por valores substancialmente superiores, e foi ainda mais abalada por divergências durante a gestão do ex-presidente Arnaldo Tirone.

A Nike planeja lançar em 2014 um terceiro uniforme do Corinthians, na cor amarela, também em homenagem à seleção brasileira e aproveitando o ano de Copa do Mundo. O lançamento de material similar, utilizando exatamente as cores que o Brasil tradicionalmente leva a campo, por um clube rival e pela principal concorrente no mercado do futebol acabaram agravando ainda mais o conflito.

Procurada pela reportagem, a Adidas, por meio de sua assessoria, afirmou que não comentará o assunto. Já a Nike disse apenas que "a responsabilidade por zelar pelas parcerias, contratos e direitos de propriedade intelectual relacionados com a seleção brasileira é da CBF". O Palmeiras e a CBF não responderam até a publicação da reportagem.
Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Marta passa Pelé na artilharia da Seleção
Esportes
Atletas da capital vão representar MS em Campeonato Jiu-Jitsu
Esportes
Yeltsin Jaques "fez história na Paralimpíadas de Tóquio", diz Rose Modesto
Esportes
Yeltsin Jacques é recepcionado pelo Corpo de Bombeiros no Aeroporto nesta terça-feira
Esportes
Tóquio 2020: Cerimônia de encerramento encanta com a beleza da diversidade
Esportes
Anvisa paralisa jogo Brasil x Argentina e jogadores poderão ser deportados
Esportes
Campeonato Brasileiro de Handebol acontece de 03 a 07 de setembro em MS
Esportes
MS recebe Campeonato Brasileiro de Handebol neste fim de semana e feriado
Esportes
Primeiro ouro de parataekwondo da história vai para brasileiro
Esportes
Brasil enfrenta Chile pelas Eliminatórias da Copa do Catar

Mais Lidas

Polícia
Homem encontra pênis decepado dentro de pote no jardim da casa da mãe
Saúde
Com 8 meses de vacinação, MS é o 1º Estado a atingir imunidade coletiva
Polícia
Homem encontra o pai morto em avançado estado de decomposição na Vila Carvalho
Brasil
Homem coloca fogo em casa com ex-mulher e filhos dentro