Menu
Busca segunda, 15 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Esportes

Capital investirá mais de R$ 30 milhões em obras esportivas

Sete regiões terão parques e complexos esportivos reformados ao longo do ano

04 julho 2019 - 12h42Rauster Campitelli

Mais de R$ 30 milhões serão investidos em 36 obras esportivas – espaços que serão reformados ou construídos – na Capital ao longo de 2019. A informação foi divulgada hoje (4) durante o lançamento do Pacote de Obras Esportivas na Câmara Municipal de Campo Grande. “É um pacote de obras somente do esporte. Serão executadas obras em sete regiões. Esses R$ 30 milhões vem de várias fontes, recursos próprios, recursos do governo estadual, do governo federal e do Finisa da Caixa Econômica”, afirma o diretor da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), Rodrigo terra.

Entre as obras mais importantes citadas por Terra estão a reforma completa do Centro Olímpico da Vila Nasser, com investimento de R$ 400 mil, e a reforma do Parque do Sóter, que custará R$ 755 mil. Outra obra que merece destaque, segundo Terra, é a da praça do Jardim Noroeste (projeto de 2011 que estava parado), orçada em R$ 5,7 milhões. A previsão é que ela seja finalizada até o final de 2020. O complexo aquático das Moreninhas (Parque Jacques da Luz) também passará por reforma completa - no valor de R$ 1 milhão.

“Em nome do secretário de obras da prefeitura, Rudi Fiorezi, agradeço em especial ao secretário Antônio Lacerda, que viabilizou recursos no financiamento, tanto do Finisa 1, R$ 11 milhões, quanto do Finisa 2, R$30 milhões, dos quais R$ 10 milhões foram destinados para este pacote de obras que a gente está anunciando aqui hoje”, disse o diretor da Fundação Municipal de Esportes, referindo-se à linha de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento.

Em Campo Grande, são 651 oficinas de esporte e lazer, oferecidas semanalmente em 61 locais. A Funesp também oferece 49 modalidades esportivas, contando com 160 profissionais de Educação Física envolvidos no programa Movimenta Campo Grande e 20 mil pessoas inscritas. Em 2018, foram realizados dois milhões de atendimentos e foram registrados nove mil participantes em 16 eventos de lazer. Além disso, 10 mil atletas se inscreveram em oito competições esportivas.

“Somando tudo, mais de 40 mil cidadãos campo-grandenses se vincularam de alguma forma aos nossos projetos”, comenta Rodrigo terra. “Esperamos que esse número cresça ainda mais em 2019 e a gente possa passar de 50 mil pessoas inscritas nos nossos projetos”.

1/4 colchões

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Brasileira luta por medalha no Mundial Paralímpico de Halterofilismo
Esportes
Décima rodada do Brasileirão tem clássico essa noite
Esportes
Brasil estreia com dois ouros no Paralímpico de Halterofilismo
Esportes
Brasil atropela o Peru e fatura Copa América
Esportes
Centro-Oeste Open de Taekwondo tem equipes de MS na disputa
Esportes
Final da Copa do Mundo feminina terá árbitra francesa
Esportes
Sob olhares de Rogério Caboclo, seleção fecha treino para final da Copa América
Esportes
Brasil quer sediar mundial de futebol sub-20 em 2021
Esportes
Inter oferecerá ginásio para abrigar pessoas, colchões e sopa no frio
Educação
Projeto “Estudantes no Controle” conscientiza sobre valores e direitos nas escolas

Mais Lidas

Justiça
Após atacar bar no Facebook, críticos terão que pagar indenização
Polícia
Homem paga R$ 70 para estuprar menina de 13 anos
Cidade
Agetran esclarece sobre radar sem sinalização na Antônio Teodorowick
Polícia
Veículo com destino a São Paulo transportava 33,9 kg de cocaína