Menu
Busca quarta, 05 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
Esportes

Desde os tempos de São Paulo... Kaká e Luis Fabiano exaltam parceria

21 junho 2010 - 09h40agência Getty Images

De Kaká para Luis Fabiano e de Luis Fabiano para o gol. Essa cena foi bastante vista de 2001 a 2003, quando o meia e o atacante jogaram juntos no São Paulo. Mas no último domingo, ela se repetiu na vitória por 3 a 1 do Brasil sobre a Costa do Marfim, na Copa do Mundo, e fez a alegria de milhões de brasileiros.

O lance foi aos 24 minutos do primeiro tempo. Depois de passe de Robinho, Luis Fabiano tocou de calcanhar (meio truncado, é verdade) para Kaká. O meia, com visão de jogo, colocou o atacante na cara do gol. Sem olhar, o camisa 9 acertou belo chute de perna direita e abriu caminho para vitória brasileira.

- A bola do Kaká foi espetacular. Nós conversamos muito e nos conhecemos bastante. Jogamos juntos no São Paulo e sabemos o que fazer. Ele sabe da maneira que jogo e eu sei a hora que ele vai tocar a bola. É um entendimento muito legal – declarou o atacante da seleção brasileira, que relembrou os tempos de Morumbi ao ouvir a torcida brasileira gritar o seu nome empolgada.

Juntos, os ganharam apenas um título: o Rio-São Paulo de 2001, torneio que fez explodir Kaká, autor de dois gols na final contra o Botafogo. Depois disso, eles brilharam no Campeonato Brasileiro de 2002, mas sucumbiram diante do Santos de Robinho no primeiro jogo do mata-mata. Mais tarde, o Peixe foi campeão.

Ele sabe da maneira que jogo e eu sei a hora que ele vai tocar a bola. É um entendimento muito legal"Luis Fabiano- Não tem nem comentários. Eu e Kaká nos conhecemos há muito tempo. Sabemos a maneira de jogar. Aqui o entendimento é total – comentou o Fabuloso.

Kaká, porém, gostou mesmo é do segundo gol de Luis Fabiano, aos seis minutos do segundo tempo, quando o atacante chapelou dois adversários, ajeitou com o braço e bateu para o fundo do gol, aumentando a vantagem brasileira para 2 a 0.

- O segundo gol que ele fez, por ser em uma Copa do Mundo, realmente vai ficar marcado por muitos anos – acrescentou Kaká.

Na próxima sexta-feira, dia 25 de junho, em Durban, contra Portugal, a dupla não poderá jogar junta. Isso porque Kaká, expulso contra a Costa do Marfim, está fora da partida. Luis Fabiano, por outro lado, está confirmado no ataque.
 

 

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Campo-grandense Éderson, chora ao agradecer apoio da mãe na carreira
Esportes
Corinthians e Palmeiras abrem disputa da final do Paulistão nesta quarta
Esportes
Campo-grandense vira “herói” da classificação corintiana para final
Esportes
Jorge Jesus será anunciado oficialmente no Benfica nesta segunda
Esportes
Comentarista de futebol emite comentário racista contra jogador do Santos
Esportes
Clube perde único patrocinador após contratar Bruno
Esportes
Jogos entre quarta e quinta definem semifinalistas do Paulistão
Esportes
F1 cancela GP Brasil no Autódromo de Interlagos devido ao coronavírus
Esportes
“Jesus foi o homem certo no momento certo no Flamengo”, diz ex-jogador Rivaldo
Esportes
CBF divulga tabela completa do Brasileirão 2020; confira

Mais Lidas

Política
Coronel David quer barrar volta dos cortes de energia
Polícia
Três homens foram presos por associação criminosa e tráfico em Ponta Porã
Esportes
Campo-grandense Éderson, chora ao agradecer apoio da mãe na carreira
Geral
Familiares tem notícias do paradeiro de Dudu após 12 dias desaparecido