Menu
Busca domingo, 12 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo dengue 02 - Atitude
Esportes

Dinamite abandona futebol e vice jurídico atua como 'presidente' em crise do Vasco

26 outubro 2012 - 10h16Reprodução/UOL

Mergulhado na crise após quatro derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro, o Vasco não tem problemas apenas na questão técnica. Com diversos impasses nos bastidores, incluindo salários atrasados e mudanças na diretoria, o presidente Roberto Dinamite “abandonou” o futebol e vê Aníbal Rouxinol, vice jurídico cruzmaltino, tomar as rédeas do momento complicado e ser o porta-voz da administração junto ao torcedor. O dirigente é visto nos corredores de São Januário como o “presidente” na pior fase da temporada.

Roberto Dinamite “tirou o time” a partir do momento em que perdeu José Hamilton Mandarino, Nelson Rocha e Fred Lopes, vice-presidentes de futebol, finanças e patrimônio, respectivamente. Com dificuldades para fechar a nova diretoria, o mandatário está recluso e quase não aparece no dia a dia do futebol. A cobrança dos atletas em relação aos dois meses de salários atrasados acontece diretamente com o diretor Daniel Freitas. A aparente falta de respaldo e distância para o carro-chefe do clube incomoda jogadores e dirigentes.

A partir da saída dos ex-membros da administração, Aníbal Rouxinol passou a ter importância ainda maior na cúpula cruzmaltina. Vice jurídico, o dirigente tem respondido por todas as pastas. Foi ele que se manifestou quando o clube ficou uma semana sem água, assim como tem falado sobre salários atrasados, mudanças na diretoria e julgamentos dos atletas. Uma série de atribuições e das quais o cartola não se esconde.

Na última quinta-feira, Rouxinol esteve em uma reunião da diretoria durante boa parte do dia. No encontro foram discutidas soluções para os problemas do Vasco. Entre uma e outra conversa oficial, o vice jurídico atendeu a reportagem do UOL Esporte para comentar a curiosidade envolvendo o seu papel atual no Gigante da Colina.

“Acho que o ideal não seria isso, mas sou muito Vasco. Tenho três amores na vida: família, escritório e Vasco. Isso pode até fazer com que invada outros espaços. Enxergo que os problemas precisam ser resolvidos e as pessoas informadas. Não é pré-determinado, mas existe uma obrigação para com o torcedor cruzmaltino”, afirmou.

O dirigente saiu em defesa do presidente Roberto Dinamite. As críticas da torcida durante a derrota para o Internacional e as acusações de omissão no momento mais delicado em 2012 foram rebatidas pelo braço direito do mandatário de forma intensa.

“O presidente conversa com todos, mas estamos em uma fase de muitas reuniões e definições. Ele é a maior vítima nisso tudo e está sentindo muito toda essa confusão. Tenho ajudado no que posso e o vejo enfrentando os problemas de cabeça erguida. Estamos arrumando a casa e fazendo as coisas de forma consciente”, encerrou.

Embora sem anúncio oficial, o Vasco já tem Nelson de Almeida como novo vice de finanças e Manuel Barbosa na pasta de patrimônio junto com Manuel Santos. Para vice de futebol, o nome é Ercolino Jorge de Lucca, que se recupera de um problema de saúde e avisou que não pode assumir o cargo. No entanto, Dinamite está disposto a esperá-lo para fechar a cúpula que comandará o Cruzmaltino em 2013.

Via Uol

PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Conmebol anuncia retorno da Libertadores para 15 de setembro
Esportes
Botafogo de Ribeirão vê ilegalidade na volta do Campeonato Paulista
Esportes
Live: Rodeio sem público começa nesta quinta em Chapadão do Sul
Esportes
Fluminense supera Flamengo e conquista Taça Rio
Esportes
Governo de SP autoriza volta do jogos de futebol em 22 de julho
Esportes
Veja onde assistir Fluminense x Flamengo de graça
Esportes
Campo Grande sediará a Liga das Nações que foi adiada para 2021
Esportes
Fluminense perde para o Volta Redonda na reestreia de Fred
Esportes
Nenê testa positivo para covid-19 e está fora do Campeonato Carioca
Esportes
Amigos do Parque volta com nova formatação durante pandemia

Mais Lidas

Cidade
Vídeo: a “bola de fogo” que deixou campo-grandenses intrigados
Saúde
Coronavírus: Com aumento de números, MS tem 228 novos casos e 8 óbitos em 24h
Entrevista
“Precisamos combater as fake news”
Justiça
Homem responde em liberdade após tentar abusar da sobrinha de 13 anos no MS