Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Esportes

Ferrari pode abandonar Fórmula 1, diz presidente Luca di Montezemolo

14 junho 2014 - 12h54Via Uol
O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, afirmou que a escuderia italiana pode abandonar a Fórmula 1 para se concentrar nas corridas de resistência, em uma entrevista ao jornal econômico The Wall Street Journal (WSJ) divulgada nessa sexta-feira.

"A Fórmula 1 não funciona mais", declarou o líder da Ferrari.

"Está em baixa, já que (a Federação Internacional de Automobilismo) se esqueceu de que as pessoas seguem as corridas pelas emoções que elas provocam. Ninguém as acompanha para ver a eficiência (dos carros)", acrescentou.

"Ninguém quer ver um piloto economizando gasolina ou pneus. As pessoas querem ver como os pilotos pisam fundo para ir de um ponto a outro. (A F1) é um esporte, sim, mas também é um espetáculo", ressaltou o chefe da "Scuderia".

Montezemolo se referiu dessa forma à última grande revolução na regulamentação da Fórmula 1 para reduzir custos e tentar se modernizar, o que inclui a introdução de um novo motor V6 turbo híbrido, menos barulhento e menos poluente.

A Ferrari, que pertence ao mesmo grupo da Fiat, é a equipe mais emblemática da principal categoria do automobilismo mundial e conta com 15 títulos do Mundial de pilotos, 16 títulos de construtores e 221 vitórias em Grandes Prêmios.

A Ferrari participa do mundial desde a sua criação, em 1950. Também disputou provas de resistência, vencendo nas 24 Horas de Le Mans em nove ocasiões. Seu fundador, Enzo Ferrari, decidiu concentrar todos os seus esforços na Fórmula 1 a partir de 1973.

Montezemolo indicou que a Ferrari poderia se dedicar às corridas de resistência a partir de 2020.

"E, é claro, não podemos correr em resistência e na Fórmula 1 ao mesmo tempo, não é possível", explicou.

Nesta temporada, a Ferrari não vem conseguindo competir com suas rivais Mercedes e RBR e está sendo ameaçada inclusive por equipes como a McLaren e Force India.

A escuderia italiana é quarta no mundial de construtores, com 87 pontos. O espanhol Fernando Alonso está em 4º entre os pilotos, com 69 pontos, a metade da pontuação do líder, o alemão Nico Rosberg (Mercedes).
Terra Benta

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Águia Negra enfrenta o líder do grupo e busca sua primeira vitória no Brasileiro
Esportes
Grêmio, Inter e Athletico-PR podem se classificar hoje para às oitavas da Libertadores
Esportes
Moreninhas terá Torneio de Pênaltis com prêmios em dinheiro
Esportes
Covid-19: com seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça
Esportes
Com uma novidade de Tite em convocação para início das Eliminatórias
Esportes
Em emendas parlamentares, esporte de MS recebe R$ 1,64 milhão
Esportes
Vídeo: Corinthians é recebido com protesto pela torcida no aeroporto
Esportes
Vídeo - Neymar é expulso por dar tapa em jogador que o chamou de "macaco"
Esportes
Projeto Amigos do Parque volta neste final de semana
Esportes
Moreninha lll ganhará pista de skate e quadra de areia

Mais Lidas

Cidade
Vídeo - Famílias perdem tudo em incêndio Noroeste; saiba como ajudar
Cidade
Ação une irmãs do MT e MS em prol de animais do Pantanal
Justiça
Acusado de matar a tia com 24 facadas é condenado a 8 anos de prisão
Polícia
PMA autua pecuarista em R$ 10 mil por animais silvestres em cativeiro