Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Esportes

Maior salário corintiano, Adriano começa a se pagar

21 novembro 2011 - 08h42Folhapress

Adriano, 29, começou a se pagar no Corinthians. O atacante fez neste domingo seu primeiro gol, após 60 minutos de atuação pelo clube, segundo números do Datafolha, que não levam em consideração os acréscimos de cada jogo.

Até domingo, o Imperador estava muito mais para problema do que para solução. Nas três partidas anteriores de que havia participado, somava muito mais bolas perdidas (sete) do que finalizações (apenas duas).

O desempenho errático e a dificuldade para entrar em forma levara o técnico a tirá-lo de quatro jogos seguidos. No meio da semana passada, contra o Ceará, Tite desistiu de colocá-lo em campo assim que Ramírez anotou o gol da vitória corintiana.

"É ele quem merece todos os elogios", declarou o treinador domingo. "Ele cativa o grupo, tem o carinho de todos. Do técnico, ele vai ter o sim na hora de sim e o não na hora do não", afirmou.

Adriano foi contratado em março deste ano, após uma passagem desastrosa pela Roma, onde não fez nem sequer um gol. Mas, logo nos primeiros treinos pelo Corinthians, rompeu o tendão de Aquiles e só pôde jogar em outubro.

Foi cobrado em público pelo presidente Andres Sanchez: "Está demorando mais do que esperávamos". Foi vítima de um "ato falho" do diretor de futebol Roberto Andrade: "Esperamos que o Adriano possa estrear logo", disse o cartola quando o atacante já havia atuado duas vezes pelo Corinthians.

As cobranças não eram em vão. Adriano faltou a várias sessões de fisioterapia durante o tratamento da lesão. Nos treinos, era nítido que sua capacidade de finalização era acima da média. Mas nos treinos táticos, coletivos e até rachões, sua falta de mobilidade atrapalhava muito.

Já era grande a corrente no Parque São Jorge que defendia a dispensa do atacante no final deste ano, muito por causa de seu salário --R$ 380 mil (mais eventuais bônus), o maior do elenco corintiano.

No final do jogo contra o Atlético-MG, Adriano foi abraçado por todos os colegas. E agradeceu ao clube que o tirou da Itália. "Todos tiveram paciência comigo", disse. "Não posso ajudar 100%, mas tento".

Após o gol salvador, Adriano só volta a ficar fora do banco se sofrer nova lesão. "Ele tem espaço para melhorar", declarou Tite. O Corinthians é o nono clube da carreira do atacante, que não anotava um gol desde 20 de maio de 2010.

Foi contra a Universidad do Chile, quando ainda defendia o Flamengo --clube pelo qual ganhou seu último título, exatamente um Brasileiro, em 2009.

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Tite convoca 23 jogadores para Copa América
Esportes
Pista de atletismo da capital será inaugurada em agosto
Esportes
Seleção brasileira feminina é convocada para a Copa do Mundo
Esportes
Campo-grandense se destaca em evento de Jiu-jitsu
Esportes
Campo-grandense conquista ouro em compeonato internacional
Educação
Em evento, juíza da palestra sobre violência à mulher indígena
Esportes
Em virada histórica, o Tottenham vai à final da Champions
Esportes
Em jogo histórico, Liverpool goleia Barcelona e vai à final da Champions
Esportes
Campo-grandense de sete anos é classificada para mundial de xadrez, na China
Esportes
Inscrições para Jogos Abertos terminam na próxima semana

Mais Lidas

Polícia
Ex-marido esfaqueia mulher em boate ao ver localização em rede social
Geral
Vídeo - Após mulher trocar senha do wi-fi, vizinhos apedrajam casa
Polícia
Homem toma arma de policial, troca tiros com outros e morre em telhado de casa
Cidade
Inscrições para sorteio de apartamentos na capital encerram terça-feira