Menu
Busca segunda, 10 de maio de 2021
(67) 99647-9098
Gov_MS-Cresce_Maio21
Esportes

'Oscar' do esporte no Rio esquece Corinthians e remete pouco ao Brasil

12 março 2013 - 10h43Júlio César Guimarães/UOL

O primeiro Prêmio Laureus realizado no Brasil ganhou poucos ares de sua nova casa. A cerimônia realizada no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, na noite desta segunda-feira (11), teve menções à cultura verde-amarela, com algumas trilhas sonoras, mas o único momento em que se falou português foi no discurso do paratleta Daniel Dias. Logo no início da festa a organização do “Oscar” do esporte ignorou o campeão mundial Corinthians em seu vídeo de resumo da temporada 2012.

Morgan Freeman foi o mestre de cerimônia e ensaiou um “boa noite” para iniciar a premiação. Uma ou outra personalidade também tentou agradar ao público com expressões pontuais, mas o português esteve presente mesmo somente no discurso de Daniel Dias, que faturou pela segunda vez o prêmio de atleta com deficiência.

“Só quero agradecer aos meus pais, à minha esposa e aos nossos patrocinadores que me ajudaram a chegar ao ponto que cheguei. Foi muito treino e muita dedicação aos meus objetivos”, disse, em seu discurso de agradecimento.

A trilha sonora foi uma mistura de cultura brasileira e norte-americana. A festa teve apresentação de capoeira e da música Cidade Maravilhosa, além da presença de Bebel Gilberto com a bossa nova. Mas o som pop também foi marcante com o ritmo dançante de Rihanna durante a apresentação de alguns prêmios.

Mas foi o inglês mesmo que predominou no Theatro Municipal. Até mesmo quando os oradores eram brasileiros – o ator Cauã Reymond e a atriz e apresentadora Fernanda Lima mostraram seu lado poliglota ao anunciar o prêmio de Daniel Dias. Nem mesmo um vídeo propagandeando o espírito esportivo do Rio de Janeiro foi no idioma local.

Mesmo em inglês e com quase três horas de duração, a festa foi conduzida sem grandes gafes ou problemas. Phelps chegou a se atrapalhar um pouquinho na leitura de seu discurso pronto, mas riu de si mesmo. Sebastian Coe ficou sem microfone de lapela em um determinado momento, mas não comprometeu o andamento da cerimônia.

E no primeiro “Oscar” do esporte realizado no Brasil, Neymar e o paratleta Alan Fonteles foram os outros brasileiros finalistas, mas não faturaram as estatuetas em suas categorias: revelação e atleta com deficiência, respectivamente. Nem mesmo o campeão mundial Corinthians mereceu menção da organização do prêmio e o time paulista ficou de fora do resumo da temporada.

Confira a lista dos ganhadores:
Usain Bolt – atleta do ano, categoria masculina
Jessica Ennis – atleta do ano, categoria feminina
Time Europeu (golfe) – melhor equipe do ano
Andy Murray – revelação do ano
Felix Sanchez – melhor retorno do ano
Daniel Dias – melhor paratleta do ano
Felix Baumgartner – melhor atleta de ação do ano
Sebatian Coe – Laureus pelas conquistas em sua vida
Miachel Phelps – Laureus por conquistas excepcionais

Via Uol

Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Morre o jornalista esportivo Fernando Caetano, ex-Fox Sports e ESPN
Esportes
Em busca da Champions League, Neymar renova contrato com o PSG até 2025
Esportes
AGORA É LEI: Atividade física é serviço essencial em MS
Esportes
Times brasileiros voltam a campo nesta quarta pela Libertadores e Sul-americana
Esportes
Atual campeão da Libertadores, Palmeiras recebe Del Valle pela 2ª rodada da competição
Esportes
Pista de skate improvisada por garotos do Aero Rancho é destruída
Esportes
Aos 16 anos, ciclista Chapadense assina contrato com Portugal
Esportes
Sorteio define grupos das seleções masculina e feminina de futebol na Olimpíada
Esportes
Vídeo: polícia usa bala de borracha durante confusão no Campeonato Sul-Mato-Grossense
Esportes
Após quase 5 anos, Renato Gaúcho deixa o comando do Grêmio

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio