Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Esportes

Pontos cegos fazem com que torcedores não enxerguem o campo na Fonte Nova

08 abril 2013 - 10h05Nelson Barros/Folhapress

Ao custo de R$ 689,4 milhões, a arena Fonte Nova foi reaberta ontem em Salvador com festa e goleada de 5 a 1 do Vitória sobre o Bahia.

Fora de campo, pontos cegos do novo estádio fizeram que pelo menos 6.000 torcedores no primeiro anel de arquibancada não enxergassem totalmente a partida, descumprindo uma exigência da Fifa para a Copa do Mundo de 2014.

Torcedores que pagaram R$ 90 para ficar no setor mais próximo ao gramado não tinham visão total do jogo.

No lado em que foi acomodada a torcida do Bahia, placas de publicidade atrapalhavam a visão da partida.

Em 1.883 assentos de torcedores do Vitória, não era possível ver escanteios, por causa do banco de reservas.

O público de 37.274 pagantes proporcionou uma renda recorde no futebol baiano - quase R$ 2 milhões. A plateia ontem contou com 43,1 mil presentes.

Não houve falta de água nem de comida nas cantinas, como aconteceu em fevereiro durante a reinauguração do Mineirão, com clássico entre Cruzeiro e Atlético-MG.

Mas houve críticas pelo excesso de poeira nas cadeiras e pelo grande número de poças d'água nos banheiros e nas áreas de circulação.

Os torcedores acabaram não respeitando o lugar marcado no ingresso, e corredores e escadas foram ocupados como assentos.

"Em caso de emergência, isso é um perigo", disse uma das orientadoras do público, que preferiu não ter sua identidade revelada.

"É natural que tenha ajustes. É como a casa da gente, em que, depois da mudança, é preciso trocar um parafuso ou ajustar a pressão da torneira", disse o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT).

Procurado pela Folha, o consórcio que administra a arena, que receberá ainda jogos da Copa das Confederações, admitiu o problema dos pontos cegos.

A concessionária, gerida pelas empresas OAS e Odebrecht, disse ainda que vai conversar com a Federação Bahiana de Futebol para "tentar afastar a distância da publicidade para o campo".

As cantoras de axé Ivete Sangalo e Claudia Leitte se apresentaram no show de abertura da arena.

Ivete, torcedora do Vitória, foi bastante aplaudida pelo lado rubro-negro da torcida, porém acabou vaiada pelos adversários. O contrário ocorreu com Claudia Leitte, que é torcedora do Bahia.

A expressiva derrota do Bahia levou à demissão do técnico Jorginho.

Via Folha

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Covid-19: com seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça
Esportes
Com uma novidade de Tite em convocação para início das Eliminatórias
Esportes
Em emendas parlamentares, esporte de MS recebe R$ 1,64 milhão
Esportes
Vídeo: Corinthians é recebido com protesto pela torcida no aeroporto
Esportes
Vídeo - Neymar é expulso por dar tapa em jogador que o chamou de "macaco"
Esportes
Projeto Amigos do Parque volta neste final de semana
Esportes
Moreninha lll ganhará pista de skate e quadra de areia
Esportes
Messi se reapresenta ao Barcelona após tentativa frustrada de saída
Esportes
São Paulo e Fluminense se enfrentam pelo Brasileirão neste domingo
Esportes
Brasileirão deste sábado tem Flamengo, Corinthians e Santos

Mais Lidas

Geral
"O corpo é o de menos”, diz jovem no Dia Nacional da Luta PCD
Geral
“Só sintomas leves”, diz Reinaldo ao JD1
Internacional
Vídeo: Mulher dança reggaeton sobre caixão do namorado
Vídeos
Vídeo: Pedagoga leva soco durante abordagem policial racista