Menu
Busca quarta, 20 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo Futebol
Esportes

Quase chorando, Falcão define derrota para o Peñarol com apagão do Inter

05 maio 2011 - 06h14UOL

A eliminação do Internacional para o Peñarol, dentro de um estádio Beira-Rio lotado, abalou Paulo Roberto Falcão. O ex-comentarista argumentou a derrota de 2 a 1 para os uruguaios por um ‘apagão’ de cinco minutos de seu time. Justamente no começo do segundo tempo. Falcão ainda embargou a voz ao falar de mais uma derrota pelo Inter em Libertadores.

“Nesse jogo tivemos cinco minutos de apagão e ali perdemos o jogo. O primeiro gol foi com 15, 16 segundos. A gente sabia que isso poderia acontecer, mas tivemos o apagão. Isso foi determinante no jogo. Nós ficamos nervosos, tensos. Não conseguimos respirar para ir em busca da vitória com o 1 a 1”, disse o treinador.

Durante a entrevista coletiva, o ex-jogador foi calmo. Solícito e educado. Mas não escondeu sua frustração. É a segunda Libertadores perdida por ele. A primeira como jogador, em 1980. “Não é fácil para ninguém nesse momento. Torcedor, jogadores, para mim. É um momento muito difícil. Mas não é a primeira e nem será a última vez que isso acontece”, apontou.

“É uma derrota e toda derrota dói. Mas ela não pode nos amassar. E não vai nos amassar. Vamos engolir. Agora é o momento da tristeza e a partir de agora ter o requilibrio”, pediu.

Perto do final de sua entrevista, Falcão se expos ao máximo. “A derrota dói. Isso existe, não dá para colocar ao lado. Temos que viver isso hoje, amanhã. E começar a recuperação. Quando falo a gente, falo de mim. Qual a outra alternativa, se fechar? Não. Vou reagrupar. Gente, faz 23 dias que estou aqui”, disse, segundos antes de embargar a voz diante de cerca de 30 repórteres.

No último domingo, Falcão também admitiu fortes emoções. Ao vencer o Grêmio nos pênaltis, conquistando o título do returno do Gauchão, o treinador deixou o gramado mais cedo. Com os olhos cheios de lágrimas. “No Gre-Nal, sai e falei para vocês que estava chorando. É diferente trabalhar no time que você se criou”, finalizou.

Com informações do portal UOL.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Verdão faz 4 a 0, humilha Corinthians e fica a 6 pontos do líder São Paulo
Esportes
Finalista da Libertadores, Santos duela com Botafogo em crise no Brasileiro
Esportes
COVID: Hernanes testa positivo e desfalca São Paulo contra Athletico
Esportes
Após nova condenação, Santos planeja rescisão de contrato com Robinho
Esportes
Palmeiras e Grêmio abrem hoje a 30ª rodada do Brasileirão
Esportes
O jogador Marcel Sabitzer tem contratação disputada por Arsenal e Tottenham
Esportes
Palmeiras decide a Copa do Brasil contra o Grêmio em casa
Esportes
Santos encara o Boca por 'final brasileira' na Libertadores
Esportes
Neymar volta a treinar quase um mês após lesão no tornozelo
Esportes
Lakers não passam pelo Spurs em casa e perdem a liderança do Oeste

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio