Menu
Busca segunda, 13 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
Esportes

Timão desafia mística da Bombonera na primeira decisão contra o Boca

27 junho 2012 - 11h19Marcos Ribolli / Globoesporte.com

O Corinthians inicia nesta quarta-feira, na Bombonera, os 180 minutos mais importantes de sua história. Seja dentro de campo ou nas arquibancadas, nem os marcantes títulos paulista de 1977 e mundial de 2000 possuem tanta iimportância como finalmente levantar pela primeira vez o troféu de campeão da Taça Libertadores. A conquista pode ser ainda mais especial pela força do adversário. Do outro lado estará ninguém menos que o Boca Juniors e sua marca de papa-títulos do continente - tem seis conquistas.

O Timão chega para as finais com uma grande campanha. Em 12 partidas, acumula sete vitórias e cinco empates. Desde 1978, com o próprio Boca, nenhum clube consegue ser campeão invicto. A equipe atingiu também um outro dado de respeito. Foram somente três gols sofridos, o que a coloca com a melhor defesa de toda a história do torneio em 52 edições.

Para passar à primeira decisão de sua história, os corintianos tiveram tranquilidade somente até as oitavas de final, quando derrotaram sem sustos o Emelec. Nas quartas, dois difíceis duelos diante do Vasco da Gama, superado somente nos minutos finais do confronto no Pacaembu, com um gol salvador de Paulinho. Já nas semifinais, o Timão eliminou o atual campeão Santos, com uma vitória na Vila Belmiro e uma igualdade em São Paulo.

– O título é muito importante para nós. Não dá para dizer a dimensão. Vamos marcar história no Corinthians. São 102 anos em busca e agora temos tudo nas mãos. Nós não queremos parar essa história aqui. Serão duas guerras – afirmou Paulinho.

O caminho do Boca também teve momentos dramáticos. A primeira fase não foi das mais calmas, mas o time encabeçado pelo maestro Riquelme embalou nos confrontos diretos. Após bater o Unión Espanhola-CHI nas oitavas, eliminou o Fluminense no Engenhão. A partir disso, criou ainda mais forças para superar o Universidad de Chile, atual campeão da Copa Sul-Americana, e se garantir na decisão. Se for campeão, chegará a sete conquistas e igualará o recorde do Independiente-ARG.

Via G1
PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
SBT transmitirá final do Carioca entre Flamengo e Fluminense
Esportes
Eliminatórias sul-americanas para Copa de 2022 é adiada para outubro
Esportes
Conmebol anuncia retorno da Libertadores para 15 de setembro
Esportes
Botafogo de Ribeirão vê ilegalidade na volta do Campeonato Paulista
Esportes
Live: Rodeio sem público começa nesta quinta em Chapadão do Sul
Esportes
Fluminense supera Flamengo e conquista Taça Rio
Esportes
Governo de SP autoriza volta do jogos de futebol em 22 de julho
Esportes
Veja onde assistir Fluminense x Flamengo de graça
Esportes
Campo Grande sediará a Liga das Nações que foi adiada para 2021
Esportes
Fluminense perde para o Volta Redonda na reestreia de Fred

Mais Lidas

Brasil
Famoso por velar a mãe sozinho, José morre queimado
Geral
Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho
Polícia
MP é contrário a liberdade de jovem que matou namorada em acidente
Brasil
Vídeo: ventania causa destruição em São Luiz