Menu
Busca segunda, 01 de março de 2021
(67) 99647-9098
Governo - campanha estado que cresce - Topo
Esportes

Valdivia manda recado: "dentro de campo, não respeito ninguém"

23 abril 2011 - 11h07Fernando Borges/Terra
Idolatrado pelos palmeirenses, Valdivia prova que dispensa a opinião daqueles que não estão ao seu lado. Um dia depois da polêmica em que foi novamente criticado por seu estilo debochado em campo, o camisa 10 deixa claro que, dentro de campo, ignora todos os rivais.

"Eu respeito o adversário até começar a partida, depois eu não respeito mais. Eu também sou pai de família e é o Palmeiras que paga o meu salário, então devo prestar contas aqui", afirmou o chileno, em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira na Academia de Futebol.

"Eu não respeito, vou para cima. Na hora em que o árbitro apita, são 11 contra 11. É claro que eu não me esqueço de coisas como o fair play e não saio dando cotoveladas nos outros", emendou Valdivia, que já chegou a entrar em polêmica com o são-paulino Rogério Ceni, depois de comemorar um gol imitando um choro, na semifinal do Paulista de 2008.

Sem medir as palavras, Valdivia fez questão de criticar a postura do zagueiro Anderson, do Santo André. Irritado com as firulas, o defensor apelou para um pontapé no chileno na partida desta quinta-feira pela Copa do Brasil e acabou expulso. Ao sair do gramado, o representante do clube do ABC ainda citou que o adversário só fazia "palhaçadas" em campo. "Eu também sou pai de família. E se ele me quebra ontem? Será que acharia legal?", respondeu.

O "chute no ar" é o lance de Valdivia que normalmente esquenta a cabeça dos adversários. O camisa 10 defende o seu drible e ressalta que já marcou um gol através desta jogada. "Foi no Chile, no jogo entre Colo Colo e Palestino. Eu driblei dois jogadores e, quando cheguei perto do goleiro, ameacei chutar. Ele caiu e eu marquei", recorda.

Por causa do "chute no ar", Valdivia criou polêmicas até no futebol árabe, quando defendia o Al Ain. Ainda assim, ele reforça que não irá desistir da jogada porque observa a alegria dos torcedores do Palmeiras com seus dribles. "Na Arábia, eles ficavam bravos, mas eu não entendia nada o que falavam", sorriu o polêmico atleta, antes de soltar uma gargalhada.

Com informações dos portais Terra e Gazeta Esportiva.

Peniel - amigos da pizza

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Grêmio e Palmeiras começam a decidir Copa do Brasil neste domingo
Esportes
Horário do jogo decisivo entre Palmeiras e Grêmio pela Copa do Brasil é alterado pela CBF
Esportes
Colorados seguem reclamando de arbitragem em jogo contra o Flamengo
Esportes
Flamengo vence o Inter e assume a liderança a uma rodada do fim do Brasileirão
Esportes
Covid: Aos 71 anos, morre mãe de Ronaldinho Gaúcho
Esportes
São Paulo e Palmeiras duelam em jogo atrasado nesta sexta
Esportes
Santos e Corinthians se enfrentam nesta quarta
Esportes
Dois jogos encerram hoje a 36ª rodada do Brasileirão
Esportes
Flamengo enfrenta Corinthians no Maracanã em busca da ponta da tabela
Esportes
Três jogos abrem neste sábado a 36ª rodada do Brasileirão

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio