Menu
Busca quinta, 24 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
PMCG Balanço super banner
Geral

Adotado em três regiões do país, horário de verão termina no próximo domingo

14 fevereiro 2018 - 17h18Agência Brasil

Brasileiros das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste deverão atrasar seu relógio em uma hora, a partir da 0h do próximo domingo (18), quando encerra o período de horário de verão 2017/2018, que entrou em vigor desde 15 de outubro e que tem como finalidade reduzir o consumo de energia elétrica entre 18h e 21h.

Além do Distrito Federal, dez estados precisarão adaptar seus ponteiros: Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Espírito Santo. A população do Norte e do Nordeste não é afetada porque os estados da região não são incluídos no horário de verão.

Segundo balanço do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), em 2013 o Brasil, com essa providência, economizou R$ 405 milhões, ou 2.565 megawatts (MW). No ano seguinte, essa economia baixou para R$ 278 milhões (2.035 MW) e, em 2015 caiu ainda mais, para R$ 162 milhões. Em 2016, o valor sofreu nova queda, para R$147,5 milhões.

Essa menor influência observada pode ser explicada pelo fato de parcelas significativas das zonas sujeitas à medida têm intensificado o uso de equipamentos como o ar condicionado, como forma de aplacar o calor, elevando a demanda pela energia elétrica. Ainda que já dispensem as lâmpadas incandescentes, substituindo-as por modelos mais econômicos.

No final do ano passado, o governo federal sinalizou para a possibilidade de abolir o horário de verão, por não haver consenso quanto à relação com a economia de energia elétrica. Apesar disso, acabou apenas abreviando o período 2018/2019 em duas semanas, a pedido do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para facilitar a apuração dos votos das eleições. Com isso, o horário de verão de 2018 passará a ser adotado no primeiro domingo de novembro.

“A avaliação dos atuais impactos na redução do consumo e da demanda de energia elétrica, contida nos estudos realizados neste ano de 2017 pelo Operador Nacional do Sistema (ONS) em conjunto com o Ministério de Minas e Energia (MME), mostra que a adoção do horário de verão traz atualmente resultados próximos da neutralidade para o sistema elétrico”, escreveu o ministério em nota, em outubro do ano passado.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Reinaldo presidirá Consórcio Brasil Central em 2019
Geral
Crise na Venezuela pode agravar, alerta Rússia
Geral
Aos 67 anos, Amado Batista namora jovem de 19 anos
Geral
PMA rebate acusações de denúncia anônima sobre pesca predatória
Geral
Estado repassa mais de R$ 300 mil para Santa Casa de Corumbá
Geral
Homem mata cachorro a pauladas e se desculpa nas redes sociais
Geral
Após denúncia, PMA encontra cavalo ferido e maltratado
Geral
Obras no Anhanduí interditam ponte na região do Taquarussu
Geral
Novo presidente do Consórcio Brasil Central será escolhido nesta quinta
Geral
IMPCG concede reajuste a aposentados e pensionistas

Mais Lidas

Polícia
Imagem forte – corpo encontrado queimado é identificado
Polícia
Pistoleiro é executado na fronteira
Polícia
Homem cai de pá-carregadeira e morre esmagado
Brasil
Intimado para depor, participante do Big Brother é expulso da casa